Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Segunda-feira, Outubro 18, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Mação | Memórias da família Lino Netto no Centro Cultural Elvino Pereira

O tema da próxima sessão da iniciativa “À Conversa Com…” é “As memórias da família Lino Netto preservadas nas páginas do jornal Correio da Extremadura / do Ribatejo” e será apresentado pela oradora convidada, Teresa Lopes Moreira, a partir das 21h00 desta sexta-feira, dia 26, no Centro Cultural Elvino Pereira.

- Publicidade -

Entre as memórias está o jornal escalabitano Correio da Extremadura, fundado a 9 de Abril de 1891 por João António Arruda, cujo filho, Virgílio Arruda, foi colega de José de Mendonça Lino Netto na Faculdade de Direito de Lisboa. O filho do fundador do jornal e o do maçaense António Lino Netto – advogado, professor universitário e presidente do Centro Católico Português – mantiveram contacto após a conclusão do curso.

Em 1929, Virgílio Arruda encontrou-se com o ex-colega numa visita a Mação, onde terá conhecido Maria Gertrudes de Mendonça Lino Netto, com quem viria a casar na Igreja de Nossa Senhora da Pena, em Lisboa, a 18 de Abril de 1936. Neste ano, alguns membros da família Lino Netto passaram a colaborar no jornal e a ligação ao Correio da Extremadura / do Ribatejo fortaleceu-se em 1945.

- Publicidade -

Nasceu em Vila Nova da Barquinha, fez os primeiros trabalhos jornalísticos antes de poder votar e nunca perdeu o gosto de escrever sobre a atualidade. Regressou ao Médio Tejo após uma década de vida em Lisboa. Gosta de ler, de conversas estimulantes (daquelas que duram noite dentro), de saborear paisagens e silêncios e do sorriso da filha quando acorda. Não gosta de palavras ocas, saltos altos e atestados de burrice.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome