Mação: Festa do Senhor das Encruzilhadas este domingo

A Sociedade Filarmónica União Maçaense vai realizar este domingo, dia 7, a tradicional Festa do Senhor das Encruzilhadas, Patrono da Filarmónica.

PUB

A história do Senhor das Encruzilhadas, enquanto Patrono da Sociedade Filarmónica União Maçaense, remonta a 1950 quando Jaime Reis, o então Mestre da Banda, e alguns músicos (João Mendes, Manuel de Jesus Martins, João Nunes Moleiro, Pedro de Matos Alexandre e outros) decidiram recuperar o Nicho degradado, que se situava nas proximidades do cemitério da Vila de Mação.

Empenhados nesta missão, compraram uma imagem nova, uma vez que a outra estava partida e decidiram compor um Hino para a Banda: Jaime Reis compôs a música e João Mendes escreveu os versos. E foi assim que o Senhor das Encruzilhadas passou a ser o patrono da SFUM.

PUB

Esta festa decorria, inicialmente, no mês de novembro com duas procissões: uma no sábado à noite para a Igreja Matriz e outra, no domingo, após a missa, para o Nicho. E assim se manteve durante largos anos até que, depois de um interregno, passou a realizar-se no último domingo de janeiro com a procissão da Igreja Matriz para o Nicho.

Atualmente, a Festa do Senhor das Encruzilhadas celebra-se no primeiro domingo de fevereiro. O convívio depois da procissão surgiu na década de oitenta. Entre 1993 e 1998 não se realizou, tendo sido retomado em 1999, com a Direção na altura presidida por José Costa e assim se tem mantido até à data.

Programa do dia 7 de fevereiro:
11h00 – Arruada pela Vila de Mação
11h30 – Eucaristia na Igreja Matriz
Procissão do Senhor das Encruzilhadas até ao Nicho
13h30 – Almoço Convívio no Restaurante Avenida, em Mação

Os interessados em participar no almoço deverão efectuar as suas inscrições até ao dia 4 de fevereiro para os seguintes contactos: João Manuel Martins – 967492982; Paula Aparício – 966740132; Ana Valente – 960309409.

PUB
PUB
Margarida Serôdio
Entrou no mundo do jornalismo há cerca de 13 anos pelo gosto de informar o público sobre o que acontece e dar a conhecer histórias e projetos interessantes. Acredita numa sociedade informada e com valores. Tem 35 anos, já plantou uma árvore e tem três filhos. Só lhe falta escrever um livro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).