Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Domingo, Setembro 19, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Mação | Caminhadas pelo concelho seguem para Casas da Ribeira e Zimbreira

A Associação Rotas de Mação e as associações locais do concelho estão a promover um ciclo de caminhadas nos novos percursos pedestres, dando a conhecer o território em contacto com a natureza e lugares recônditos e bem guardados, autênticos postais e pequenos paraísos à espera de serem desvendados. Depois da estreia com caminhadas em Penhascoso e Ortiga, que reuniram cerca de 50 participantes cada, chega a vez da envolvente às aldeias de Casas da Ribeira (Mação) e Zimbreira (Envendos).

- Publicidade -

Sob o mote “Caminhar pelas Montanhas Azuis. Descobrir os seus encantos, os seus cheiros, os seus aromas, o seu Coração”, estão já confirmadas seis caminhadas, mas as Rotas de Mação esperam chegar às 14 caminhadas por todo o concelho.

Assim, no sábado, dia 21 de agosto, decorrerá uma caminhada com um desafio acrescido: será uma caminhada aquática por entre os diversos pontos de água fresca e límpida junto à aldeia.

- Publicidade -

A concentração está prevista para as 15h00 no açude das Casas da Ribeira, na ribeira de Eiras. A ARM refere ser obrigatório o uso de calçado dentro de água, sendo esta uma modalidade que pretende a associação implementar em alguns locais do concelho.

“Pretendemos criar uma nova centralidade, aproveitando este magnífico troço da Ribeira de Eiras e dos seus pegos. Os caminhantes tomarão uma decisão: descendo pela ribeira ou pela margem. Será obrigatório calçado dentro de água e existirão estações intermédias de entrada ou saída da água. Poderão existir pontos em que o caminhante tenha de nadar, pelo que se recomenda atenção”, pode ler-se nas indicações.

Já no domingo, dia 22 de agosto, a ideia é rumar à aldeia de Zimbreira, em Envendos, e acompanhar o rio Ocreza até chegar à esplendorosa e afamada cascata do Pego da Rainha.

Aqui a concentração é no Largo da Associação da Zimbreira, pelas 8h00, e prometem-se vistas e paisagens de cortar a respiração, com subida ao Miradouro da Serra da Moita da Asna, o ponto mais alto da rota pedestre.

Miradouro do Castelo Velho da Zimbreira, Envendos, concelho de Mação. Fotografia: Joaquim Diogo

“Local de uma beleza ímpar, onde se pode observar o sul da Beira Baixa, o Geoparque NATURTEJO, o Rio Ocreza, a Barragem da Pracana e todo um mundo que só a nossa imaginação permite criar. Nesta caminhada podem observar-se as comunidades de grifos que nas escarpas da garganta do Pego da Rainha, fazem o seu reino. Chegaremos à aldeia da Zimbreira pelo lado sul e aqui terminaremos a caminhada”, contextualiza a ARM.

Nestas caminhadas pelo património histórico e natural, passando pelos costumes e tradições de outrora, será possível encontrar cascatas e lagoas de águas límpidas, atravessando levadas e bosques, percorrendo caminhos que só os antigos sabiam de cor sem recorrer a mapas ou marcações. Uma oportunidade para embarcar numa viagem guiada, com apoio dos membros das Rotas de Mação e voluntários locais.

Esta é uma parceria que a associação Rotas de Mação há muito desejava pôr em prática, dando a conhecer e dinamizando os percursos pedestres marcados e homologados do concelho, mas os sucessivos confinamentos e o agravar da pandemia adiaram a ideia, que agora entra em marcha, conquistando os amantes da natureza.

As inscrições são gratuitas, podendo ser feitas via Messenger através da página de Facebook da Associação Rotas de Mação ou através do email geral@rotasdemacao.pt

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres, onde não falta a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Viciada no verbo Ir, nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... também por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome