PUB

Mação | Câmara pretende adquirir viatura para reforçar serviço de proximidade da GNR

Vasco Estrela (PSD), presidente da Câmara Municipal de Mação, deu conta na passada reunião ordinária pública de executivo camarário ser sua ideia fazer uma proposta formal para a aquisição de uma viatura a ser cedida à GNR, com vista a reforçar a proximidade desta força de segurança junto da comunidade mais envelhecida, isolada e que carece de uma atenção especial.

PUB

A ideia de adquirir uma viatura que possa ser cedida à GNR irá ser avaliada “até ao final do ano”, disse o autarca, acrescentando que o objetivo é “que possam fazer um trabalho de maior proximidade junto dos nossos idosos”.

O autarca referiu que se nota esta lacuna no território, tendo em conta “um concelho envelhecido, onde a GNR tem alguma carência de viaturas”, esperando que isto possa também “implicar um reforço de efetivos”, visto que Vasco Estrela reconheceu que o número de efetivos do Posto da GNR de Mação é “cada vez mais diminuto”.

PUB

“Espero que possa haver uma maior presença da Guarda Nacional Republicana no território, porque isso é importantíssimo para dissuasão de ilícitos criminais e para transmitir segurança às pessoas”, disse.

Esta decisão, segundo Vasco Estrela, não se prende com nenhum facto em concreto, notando que tem por base “a realidade” de um “concelho muito disperso, muito grande, com muitas localidades, envelhecido e com muitas pessoas sozinhas e isoladas, onde é importante a passagem da GNR”.

“Que não seja por falta dessa viatura que as pessoas não se sintam seguras”, vincou.

A proposta deverá surgir numa próxima reunião de Câmara após o autarca “limar algumas arestas que carecem ser limadas”, justificou.

PUB
PUB
Joana Rita Santos
Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres: o conhecimento e o saber, a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).