Mação apresentou programas de apoio a empresários agrícolas

Mação acolheu uma sessão pública de apresentação das Operações LEADER do PDR2020 de apoio aos Pequenos Investimentos nas Explorações Agrícolas, tendo sido apresentados, para além dos Pequenos Investimentos nas Explorações Agrícolas, os Pequenos Investimentos na Transformação e Comercialização de Produtos Agrícolas.

PUB

Em relação aos Pequenos Investimentos na Transformação e Comercialização de Produtos Agrícolas o objetivo desta medida é contribuir para o processo de modernização e capacitação das empresas de transformação e de comercialização de produtos agrícolas, sendo que, nesta área as operações podem ter um custo total elegível entre 10.000 e  200.000 euros, sendo que durante um anúncio apenas se admite 1 candidatura por beneficiário.

Em relação às despesas elegíveis, para bens imóveis – construção e melhoramentos -. contam-se a vedação e preparação de terrenos; edifícios e outras construções e adaptações de instalações existentes. No que respeita a bens moveis – compra ou locação de máquina e equipamentos são elegíveis despesas com máquinas e equipamentos novos; equipamento para transporte interno; caixas isotérmicas, grupos de frio e cisternas de transporte, bem como meios de transporte externo; equipamentos sociais obrigatórios por determinação da lei; automatização de equipamentos já existentes na unidade e equipamentos não produtivos.

PUB

Em relação aos Pequenos Investimentos nas Explorações Agrícolas o objetivo é promover a melhoria das condições de vida, de trabalho e de produção dos agricultores e contribuir para o processo de modernização e de capacitação das empresas do setor agrícola.

São despesas com bens imóveis – construção e melhoramentos: preparação de terrenos; edifícios e outras construções; adaptações de instalações existentes; plantas plurianuais; instalação de pastagens permanentes e sistemas de rega.

PUB

Em relação aos bens moveis – compra ou locação de máquinas e equipamentos são elegíveis máquinas e equipamentos novos; equipamento para transporte interno e equipamentos que visem a valorização dos subprodutos e resíduos da atividade. São ainda elegíveis despesas gerais relativas a domínio da eficiência energética e energias renováveis; software aplicacional; propriedade industrial; diagnóstico, auditorias, planos de marketing e branding e estudos de viabilidade e acompanhamento, projeto de arquitetura e engenharia associados ao investimento, até 5% do custo total elegível aprovado.

A sessão foi dirigida pela Pinhal Maior sendo que o presidente da Câmara Municipal de Mação, Vasco Estrela, manifestou a sua satisfação por “ver uma sala bem composta por munícipes que se dedicam à agricultura, com maior ou menor intensidade, mas que perceberam ter ali respostas para que possam aproveitar da melhor forma o Plano de Desenvolvimento Rural 2020 e investir nas suas explorações e no concelho”, tendo feito notar que “o GEMA e a Pinhal Maior apoiam os agricultores nos processos para que tudo corra pelo melhor”.

A sessão foi organizada pela Câmara Municipal de Mação e Pinhal Maior – Associação de Desenvolvimento do Pinhal Interior Sul.

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here