Liga Inatel | Análise à jornada, por Telmo Gomes

Telmo Gomes, 39 anos, operário fabril e gestor do blogue 'Cantinho do Primeiro Andar'.

Jornada após jornada aí vamos nós caminhando por “campos” verdes naturais, verdes sintéticos e claro pelos “campos” mais comuns que são os nossos tão bem conhecidos peladões onde não é qualquer um que consegue e sabe pôr a redondinha no chão e jogar de cabeça levantada, dependendo do estado do terreno, claro está. Análise aos Grupos E, F, G e H, nesta que foi a última jornada da 1ª volta da Liga Inatel de Santarém.

PUB

Liga INATEL 19/20 – 1ª Jornada (em atraso)

Grupo E:

PUB

Alcanhões 0-5 Seiça

Alcobertas 1-2 Bairrense

PUB

Azinhaga 2-1 Assentiz

Num grupo que fecha a primeira volta com as duas formações de Ourém na frente, o Seiça e Bairrense tiveram caminhadas diferentes. Se para o Seiça a vitória no terreno difícil do Alcanhões teve números volumosos, para o Bairrense a ida ao “verdinho” de Rio Maior, campo emprestado do Alcobertas, teve de ser suada para saírem de lá com os três pontos e manterem-se firmes na frente. Quem também fez uma boa operação foi a Azinhaga que com esta vitória caseira frente ao Assentiz dá um salto na tabela e continua a ter hipóteses de ser uma das duas primeiras do grupo se não voltar a tropeçar.

Grupo F:

Alvega 4-1 Água Travessa

São Facundo 4-3 Brunheirinho

Vale de Açor 1-1 Rossiense

Quando não há “verdinhos”, há sempre um ou outro “trilho” que pode provocar escorregadelas inesperadas. Não será o caso do Alvega que em sua casa mostrou ser o principal candidato à série 1. Em São Facundo foi um autêntico dilúvio de golos, mas o Brunheirinho a vencer por 0-3 não conseguiu manter-se firme nesta caminhada e deu um tombo de tal forma que permitiu ao São Facundo dar a volta completa nos últimos minutos. Quem não saiu satisfeito, certamente, foram os homens de Vale de Açor e do Rossiense, num jogo que deu empate com sabor a derrota para ambos e que para o Rossiense deixa o 3º classificado mais próximo de si.

Grupo G:

Alcaravela 3-0 Envendos

São Miguel do Rio Torto 0-3 Bemposta

Folgou o Vilarregense

Neste Grupo G, em que o favoritismo parecia quase total dos homens da Mancha Azul (Alcaravela), os dois tropeções iniciais estão a abrir caminho a quem conseguir segurar-se nestes “trilhos enlameados”. Mas para já o Alcaravela somou os pontos da vitória na recepção ao Envendos, que mesmo assim ainda sonha. Com uma classificação oposta, o São Miguel do Rio Torto, depois do brilharete na Taça, voltou às derrotas na Liga, desta feita frente ao líder do grupo, a Bemposta, que assim se encaminha a passos bem largos para a série 1.

Grupo H:

Vale das Mós 0-2 Carvalhal

Sentieiras 2-2 Concavada

Folgou as Mouriscas

Se uns grupos estão com a via aberta para a série 1, este grupo H mais parece um labirinto ainda com muitas portas abertas e outras fechadas. O Vale das Mós, com esta derrota, parece já não ter grandes hipóteses de largar a cauda do grupo. O Carvalhal cumpriu ao vencer e pode vir a tornar-se um outsider perigoso, já que na frente ninguém se destaca. Sentieiras e Concavada podiam “fugir”, mas nenhuma soube encontrar o “trilho” certo para a vitória e este empate, além de não agradar a nenhuma das equipas, fez sorrir as Mouriscas que, mesmo folgando, mantiveram-se colados na disputa pelos lugares da frente.

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here