Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Domingo, Agosto 1, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Jogos Olímpicos: Abrantina Francisca Laia entra hoje em competição

A canoísta abrantina Francisca Laia entra hoje em ação nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

- Publicidade -

Às 13h38, “Kika” parte no seu barco para as eliminatórias da prova de K1 200 metros. Se tudo correr como todos esperamos e concretize o apuramento, voltará a competir nas Meias-Finais, por volta das 15 horas.

A prestação da canoísta poderá ser acompanha em direto na SportTV 2, que transmite as eliminatórias de canoagem a partir das 13 horas. A RTP 2 transmite provas dos JO a partir das 11 horas (canoagem incluído).

- Publicidade -

Francisca Laia, 22 anos, atleta do Sporting Clube de Portugal, mais que uma cidade (Abrantes) ou uma região (Médio Tejo), terá um país (Portugal) a remar consigo.

Francisca Dias Laia nasceu a 31 de maio de 1994 (22 anos), em Abrantes. É solteira e estudante do curso de Medicina da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra. O “bichinho” da canoagem cedo lhe “mordeu”. Participou na primeira prova quando tinha apenas 8 anos, muito por culpa do pai, também ele praticante da modalidade desde os dez anos, que a incentivava e ensinava, tendo sido nos primeiros anos o seu treinador. Tudo sempre como atleta do Clube Desportivo “Os Patos”, de Rossio ao Sul do Tejo, Abrantes, onde teve a formação canoística de base, com grande destaque a nível distrital e regional.

Logo em 2003, com idade de infantil, sagrou-se Campeã Regional de Velocidade em K1 500 metros, repetindo o êxito no Regional de Fundo e de Promessas no ano seguinte, em K1 5000 metros e 4000 metros respetivamente, entrando a partir daí em “velocidade cruzeiro” rumo ao sucesso.

Desde 2009, com idade de Cadete, torna-se presença assídua na Seleção Nacional dos vários escalões. Ainda com idade de Cadete, em 2010, vence o Campeonato Nacional de Maratona, o Campeonato Nacional d Esperanças e é Vice-Campeã Nacional de Fundo. Em 2011 e 2012 dominou a velocidade, sagrando-se Campeã Nacional de Velocidade em K1 nos 1000, 500 e 200 metros, voltando a repetir o êxito em 2014 nos 500 e 200 metros. Em 2013, mas em K2, foi Campeã Nacional de 500 e 200 metros.

Francisca Laia
Francisca Laia na partida da prova que lhe deu o “passaporte” para o Rio de Janeiro 2016. Foto: DR

Também a nível internacional já detém resultados de grande relevo. Em 2011, em K1 200 metros, foi Medalha de Bronze no Campeonato da Europa de Juniores Sub-23, na Croácia, lugar que repetiu em 2012, em Portugal, e foi 8ª classificada no Campeonato do Mundo de Juniores, na Alemanha. Em 2015 foi Medalha de Bronze no Campeonato da Europa de Sprint de Sub-23, na Roménia, Vice-Campeã do Mundo de Sprint Sub-23 em K1 200 metros e Medalha de Ouro em K4 500 metros na Taça do Mundo de Sprint.

Já em 2016, sagrou-se Campeã do Mundo ao vencer os Mundiais Universitários em K1 200 metros e K2 500 metros, e conseguiu o 4º lugar na Final de K1 200 metros, na etapa de qualificação europeia para os Jogos Olímpicos, classificação que lhe valeu o “passaporte” para o Rio de Janeiro.

Tem 41 anos e uma profissão que tudo tem que ver com jornalismo e informação... Engenheiro Eletrotécnico. O gosto pela informação desportiva ganhou-o ainda criança com o pai e a mãe na rádio. A informação escrita é uma nova aventura. Acredita que o desporto é fator de promoção e desenvolvimento regional e de aproximação "das gentes", pelo que noticiá-lo é um imperativo. Praticou várias modalidades, foi treinador e árbitro de basquetebol. É casado e tem uma filha que o obriga a correr. Colabora na Antena Desportiva da rádio Antena Livre, sendo a rádio uma das suas maiores paixões.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome