Quinta-feira, Março 4, 2021
- Publicidade -

Incêndios: Tribunal declara prisão preventiva para incendiário de Alcanena

O Tribunal de Santarém declarou a prisão preventiva a um homem de 30 anos pela presumível autoria de múltiplos incêndios, nos últimos dois anos, no concelho de Alcanena, disse hoje à Lusa fonte da PJ.

- Publicidade -

Em declarações à agência Lusa, a fonte oficial da PJ de Leiria disse que o indivíduo, solteiro e sem profissão definida, foi presente ao juiz do Tribunal de Santarém na sexta-feira tendo visto ser-lhe “aplicada a medida máxima de coação, a prisão preventiva”, depois de interrogatório judicial.

Em comunicado, a PJ, através do Departamento de Investigação Criminal de Leiria, tinha anunciado na sexta-feira a detenção de um homem de 30 anos pela presumível autoria de um crime de incêndio florestal ocorrido no concelho de Alcanena, distrito de Santarém.

- Publicidade -

“Agindo num quadro impulsivo, está fortemente indiciado de, no dia 08 de agosto, entre as 21:00 e as 21:30, ter ateado um foco de incêndio”, num terreno com mato e pinheiros, tendo ardido uma área de cerca de 10.000 metros quadrados, é referido no comunicado.

“O incêndio só não atingiu maiores proporções devido à pronta intervenção de dez corporações de bombeiros”, pode ainda ler-se na nota de imprensa.

A PJ refere ainda que o homem “é igualmente suspeito da autoria de múltiplos incêndios ocorridos este ano naquele concelho, assim como no ano transato”.

A prisão preventiva é a mais grave medida de coação que se pode aplicar a um arguido e só pode ser decretada quando o juiz considerar que há perigo de fuga ou perigo de perturbação do inquérito e, nomeadamente, perigo para a aquisição, conservação ou veracidade da prova ou perigo que os arguidos continuem a atividade criminosa ou perturbem gravemente a ordem e tranquilidade públicas, indica o Código Processo Penal.

Na mesma nota, a Polícia Judiciária de Leiria dá conta de ter identificado e detido este ano 29 pessoas pela autoria do crime de incêndio florestal.

Agência de Notícias de Portugal

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).