- Publicidade -

Hóquei em patins | SC Tomar perde com Barcelos a dois segundos do apito final (C/FOTOS e ÁUDIO)

SC TOMAR 3 HC BARCELOS 4

- Publicidade -

Campeonato Nacional Hóquei Patins – 22ª jornada

Pavilhão Municipal Cidade de Tomar – 6 março 2021

- Publicidade -

Realizou-se no Pavilhão Municipal Cidade de Tomar no final de tarde de sábado o jogo referente à 22ª jornada do Campeonato Nacional de Hóquei Patins. A equipa de Tomar recebeu o líder Óquei Clube de Barcelos num desafio que ficou marcado negativamente pelas duras críticas à arbitragem por parte de ambos os treinadores. As emoções dentro do ringue, essas, não faltaram.

A equipa de Nuno Lopes esteve sempre no comando do jogo mas a equipa forasteira nunca deixou dilatar a vantagem dos tomarenses e colocou-se pela primeira vez na frente do marcador a dois segundos do apito final, carimbando a vitória num lance muito polémico. Bom jogo de hóquei em patins onde a arbitragem esteve em foco pela negativa.

Em Tomar defrontaram-se duas das melhores equipas nacionais do hóquei patinado. Foto: mediotejo.net

Defrontaram-se duas das melhores equipas do campeonato o que viria a comprovar-se dentro do recinto de jogo, com um Sporting de Tomar a provar porque está a fazer uma época excecional conseguindo estar por cima do encontro durante grande parte do tempo, criando inúmeras oportunidades de golo.

Todavia, quer pela grande exibição do guardião do Barcelos, quer pela falta de pontaria dos jogadores nabantinos e também pela diferença de critérios da equipa de arbitragem nalguns lances, a equipa de Tomar acabou por sofrer a primeira derrota neste ano de 2021, com um golo sofrido a 2 segundos do final do encontro através da marcação de um livre direto que resulta de uma falta…marcada ao contrário.

Jogo muito equilibrado decidido nos segundos finais. Foto: mediotejo.net

O Sporting de Tomar entrou melhor no encontro criando perigo junto da baliza de Bruno Ferreira e aos 5 minutos de jogo o jovem Lucas Honório entra para a marcação de um livre direto, mas não consegue converter.

Não demoraria muito para que o Tomar chegasse à vantagem no marcador. Com a equipa bem organizada defensivamente e a atacar com critério, Pedro Martins inaugurou o marcador aos 7 minutos.

Sporting de Tomar foi a primeira a abrir o marcador. Foto: mediotejo.net

Não demorou muito a vantagem nabantina, pois um minuto depois Miguel Rocha empataria a partida. Com o jogo muito vivo, Rúben Sousa voltou a colocar a equipa de Tomar na frente aos 15 minutos de jogo.

A dois minutos do intervalo a equipa líder do campeonato volta a empatar a partida por intermédio de Rafael Lourenço, resultado com que terminaria a primeira metade do encontro.

O Sporting de Tomar esteve sempre na frente do marcador mas a equipa de Barcelos nunca deixou a vantagem da equipa da casa chegar à vantagem de dois golos e matou o jogo a dois segundos do final. Foto: mediotejo.net

Para a segunda metade o Sporting de Tomar voltou com a mesma organização defensiva e com o mesmo ímpeto ofensivo, mas foi algo perdulário. Os tomarenses conseguiram chegar novamente à vantagem aos 11 minutos do segundo tempo através de uma grande penalidade convertida por Filipe Almeida.

Filipe Almeida marcou de penalti para a equipa da casa. Foto: mediotejo.net

Dois minutos depois a equipa de Barcelos dispôs de um livre direto e restabeleceu novamente a igualdade com golo de Fernandez Dario.

Com o Tomar a tentar alcançar o quarto golo para chegar à vitória, é a equipa de Barcelos que através de mais um livre direto apontado por Fernadez Dario, a dois segundo do fim, garantiu a vitória para os forasteiros e os três pontos em disputa.

Deste lance, com o jogador do Tomar caído no chão, resultou a falta que daria o golo da vitória do Barcelos, a dois segundos do final. Foto: mediotejo.net

Resultado injusto para a equipa tomarense pelo que trabalhou dentro do recinto de jogo, num dia em que, apesar da derrota, o Sporting Clube de Tomar anunciou um futuro risonho, tendo o presidente Ivo Santos dado conta de ter chegado a acordo com o treinador Nuno Lopes para a renovação do contrato por mais duas temporadas, e da aquisição de um novo autocarro para o clube, a par do anúncio de uma nova modalidade desportiva no seio do SC Tomar a partir da próxima época, não tendo especificado qual.

O livre decisivo foi assinalado a 7 segundos do final O jogador de Barcelos não rematou direto, optando pela finta, e o golo da vitória surgiria a 2 segundos do apito final, gerando festa para a equipa de Barcelos. Foto: mediotejo.net

Na próxima jornada o Sporting de Tomar desloca-se ao Dragão Caixa onde irá defrontar o FC Porto.

Arbitragem da dupla Paulo Almeida, de Aveiro, e de Sílvia Coelho, do Porto (ambos sem máscara na foto) geraram críticas no final do encontro. Foto: mediotejo.net

A dupla de arbitragem não esteve nos seus melhores dias o que lhe valeu duras críticas de ambos os treinadores e do próprio presidente da equipa nabantina que no final do encontro mostrou o seu desagrado.

FICHA DE JOGO:

SPORTING CLUBE TOMAR:

Francisco Veludo, Filipe Almeida, Pedro Martins, Alexandre Marques e Ivo Silva

Suplentes: António Marante, Lucas Honório, João Lomba, Rúben Sousa e Anderson Silva

Treinador: Nuno Lopes

OC Barcelos. Foto: mediotejo.net

OC BARCELOS:

Bruno Ferreira, Fernandez Dario, Luís Querido, Miguel Rocha e Rafael Lourenço.

Suplentes: Bautista Acevedo, José Pedro Ferreira, Tomás Pereira, João Guimarães e
Reinaldo Ventura.

Treinador: Rui Neto

Ao intervalo: 2-2

GOLOS: Pedro Martins, Rúben Sousa, Filipe Almeida, Miguel Rocha, Rafael Lourenço e Fernandez Dario (2).

Equipa de Arbitragem: Sílvia Coelho e Paulo Almeida.

Disciplina: Cartão Azul: Ivo Silva (2) e Miguel Rocha.

No final ouvimos os treinadores das duas equipas e o presidente do clube de Tomar:

Nuno Lopes, treinador do Sporting de Tomar. Foto: mediotejo.net

Rui Neto, treinador do OC Barcelos. Foto: mediotejo.net

Ivo Santos, presidente da direção do SC Tomar. Foto: mediotejo.net

Natural e residente em Tomar, tem como profissão Distribuidor, mas é com a fotografia que se identifica. É amante desta arte em geral, mas a sua verdadeira paixão é a Natureza e Vida Selvagem e os Retratos. É autor do livro de fotografia “Alma Nabantina” e fundador/administrador dos grupos do Facebook “Amigos da Fotografia de Tomar” e "Fauna de Tomar”. Colabora na área de fotografia na imprensa regional e local e já em 2018 foi júri convidado de dois concursos de fotografia. Neste ano conta também com duas exposições de fotografia coletivas, preparando atualmente a terceira.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- Publicidade -