- Publicidade -

Gavião | Tiago Fernandes e Maria Claro vencem concurso da Biblioteca Municipal

Tiago Fernandes e Maria Claro são os vencedores do concurso “Alunos hoje… líderes amanhã. Se eu fosse presidente da Câmara…?”. Uma Iniciativa da Biblioteca Municipal de Gavião que pretendeu promover, um concurso de ideias empreendedoras de modo a desenvolver ou melhorar algo na comunidade.

- Publicidade -

Tiago Maurício Fernandes, que concorreu no escalão dos 6 aos 9 anos, propôs “incentivar os artistas do nosso concelho a exporem as suas obras”. E Maria Isabel Salvado Claro, que concorreu no escalão dos 13 aos 16 anos, propôs a “afixação de outdoors na estação de Belver com imagens do concelho”.

Os prémios foram entregues aos vencedores do concurso na reunião de executivo municipal no dia 17 de fevereiro de 2021.

- Publicidade -

O Município, em nota de imprensa, aponta a iniciativa como uma “forma de envolver as crianças e jovens na promoção e desenvolvimento de conhecimentos, competências, atitudes e valores que os ajudem a desempenhar um papel ativo na comunidade local”.

A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).