Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Domingo, Setembro 19, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Gavião | Câmara inaugura sábado piscina para adultos no Parque da Ribeira da Venda

A piscina para adultos no Parque da Ribeira da Venda, na freguesia da Comenda, concelho de Gavião, vai ser inaugurada no próximo sábado, 3 de julho, pelas 18h00.

- Publicidade -

Um investimento do município de Gavião na ordem dos 65 mil euros, que arrancou no inicio de 2021 com um prazo de execução de 90 dias, “mas que atrasou um bocadinho. Tivemos de parar por falta de materiais”, explicou ao mediotejo.net o presidente da autarquia.

José Fernando Pio declarou que a construção de uma piscina de adultos “era uma aspiração da população há muitos anos. Havia uma piscina para crianças mas os pais precisavam de um espaço para um mergulho, e o momento foi agora”. Uma infraestrutura que “vai melhorar” o espaço de lazer da Ribeira da Venda, uma vez que “também melhorámos o relvado e colocámos um deck à volta da piscina”, acrescentou.

- Publicidade -

Para além da cerimónia de inauguração, haverá um concerto às 22h00 com David Antunes, mas a entrada está limitada devido à pandemia e obriga a pré-reserva.

O Parque da Ribeira da Venda encontra-se a cerca de 1 Km de Comenda. Trata-se de um espaço verdejante, com árvores frondosas, relva e uma ribeira com água de nascente e açude, mas que no verão apresenta um caudal cada vez mais reduzido, o que impossibilita tradicionais mergulhos. O espaço de lazer conta ainda com diversas pontes que cruzam o local, em especial a antiga ponte de arcos romanos.

O Parque dispõe de diversas infraestruturas, nomeadamente parque de merendas com churrasqueiras, snack bar com esplanada, parque infantil, piscina para crianças, circuito de manutenção, pista de skate e balneários.

A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome