Futsal | Ferreira do Zêzere foi a Ponte de Sôr preparar o assalto à Liga Placard

Jogo treino com bons momentos competitivos.

ELÉCTRICO FUTEBOL CLUBE 5 – SPORT CLUBE FERREIRA DO ZÊZERE 3
Pré-época de Futsal-Jogo Amigável
Pavilhão Gimnodesportivo de Ponte de Sor
06-09-2020

PUB

O final da tarde de domingo, 06 de setembro, assinalou o regresso do futsal ao pavilhão da Ponte de Sor depois do final abrupto devido à pandemia.

Sem público e cumprindo o protocolo sanitário recomendado pela Direção Geral da Saúde (DGS), o Eléctrico com lugar garantido no escalão máximo do futsal recebeu o Ferreira do Zêzere em fase de preparação para a Prova de Acesso à Liga Placard onde se apresenta com legítimas aspirações.

PUB
Bancadas vazias para jogo de preparação.

A prova irá decorrer no Pavilhão Multiusos de Torres Novas entre 16 e 20 deste mês de setembro, sendo que a equipa orientada por André Guimarães precisa de duas vitórias para carimbar o histórico acesso à primeira divisão nacional de futsal. O Eléctrico, de Kitó Ferreira, já tem experiência destes andamentos, e teve um bom teste neste jogo de preparação com o conjunto de Ferreira do Zêzere.

Equipa de André Guimarães com legítimas aspirações à subida.

Isento da primeira eliminatória, o Ferreira do Zêzere irá jogar a eliminar com o vencedor do jogo Rio Ave-Sassoeiros. Caso ganhe esse jogo discutirá a subida com uma destas três equipas: Caxinas/Barreirense ou ABC Nelas. Está assim a duas vitórias da Elite do futsal português.

PUB
Entrada de rompante deu vantagem aos ferreirenses.

Já com jogos de preparação realizados com equipas da Liga Placard e com bom desempenho com Sporting Clube de Portugal e Fundão, a equipa da Capital do Ovo apresentou-se em Ponte de Sor com algumas caras novas onde sobressai um guarda redes de grande classe: Di Fanti, vindo do Marreco Futsal, e Tom, campeão brasileiro no Pato Futsal.

Uma entrada a todo gás surpreendeu a equipa de Kitó Ferreira, com pouco tempo de preparação, e com dois minutos jogados a equipa de Ferreira do Zêzere já vencia por duas bolas sem resposta. Romário bisou.

O Ferreira do Zêzere apresentou Di Fanti na baliza. Um guarda redes que promete…

O Eléctrico levou algum tempo a reagir ao desconforto da desvantagem mas foi assentando o seu jogo e foi-se tornando mais acutilante. Muitas caras novas no plantel não permitem que se construa uma equipa “oleada” em tão pouco tempo.

A partir do meio do primeiro tempo os pontessorenses beneficiaram de boas ocasiões para marcar mas o guarda redes Di Fanti ia adiando o golo que se adivinhava.

Paulinho reduziu para os alentejanos e a faltarem dois minutos e 39 segundos, Alex, entrado para a baliza dos ferreirenses para defender o livre direto sequência da sexta falta, negou o golo a Robério, mais um campeão brasileiro vindo do Pato Futsal.

Sexta falta deu a Robério a hipótese de empatar antes do descanso. Alex não permitiu.

Pouco depois chegou o descanso deixando o Ferreira do Zêzere uma excelente impressão num arranque de luxo. A resposta do Eléctrico valorizou um jogo que teve bons momentos competitivos.

Célio Coque imitou Romário e bisou a abrir o segundo tempo.

No início do segundo tempo o Eléctrico imitou o seu adversário e marcou dois golos de rajada. O autor da “remontada” foi o ex-benfiquista Célio Coque que, com dois golos, colocou a equipa da casa na frente do marcador pela primeira vez.

Foi-se jogando em toada de equilíbrio, com muita rotação de jogadores na quadra e com chances para ambos os conjuntos. Foi mais feliz o Ferreira do Zêzere numa saída em falso de Diogo Basílio, até aí com uma excelente exibição. Quem aproveitou foi Diogo Simões que empatou a partida.

Exibição de bom nível de Diogo Basílio traida por saida em falso.

A equipa de Ponte de Sor voltou a correr atrás do prejuízo e depois de Bruno Graça enviar a bola à trave passou de novo para a liderança numa boa combinação finalizada pelo jovem Miguel Pegacha.

A três minutos do final o capitão Renan Fuzo, com Di Fanti entre os postes, fixou o resultado na transformação duma penalidade.

Foi um jogo agradável de seguir. O Eléctrico a fazer um percurso de crescimento, com muitas caras novas no plantel e um novo patrocinador: FGil Automóveis, ainda tem muito trabalho pela frente para enfrentar uma Liga Placard que se pretende sem sobressaltos. A apresentação oficial da equipa de futsal do Eléctrico está agendada para esta sexta-feira, às 17:00, com uma conferência de imprensa que vai decorrer no Centro de Artes e Cultura de Ponte de Sôr, seguida da apresentação da equipa nas imediações do Estádio Municipal, junto às palmeiras.

A equipa de Ferreira do Zêzere, treinada por André Guimarães, apresenta um futsal de qualidade e tudo irá fazer para entrar no lote das melhores equipas nacionais e carimbar uma subida inédita no futsal do distrito de Santarém. Joga nos dias 18 e 20 de setembro.

Bom jogo de pré época com duas equipas que poderão militar na Liga Placard.

Ficha do Jogo:

ELÉCTRICO FUTEBOL CLUBE:
André Correia, Renan Fuzo, Dudu, Costelinha e Robério.
Suplentes: Diogo Basílio, Diogo Mateus, Bruno Graça, Célio Coque, Henrique Vicente, Paulinho, Miguel Pegacha, Telmo Lourenço e Filipe Pereiro.
Treinador: Kitó Ferreira.

SPORT CLUBE FERREIRA DO ZÊZERE:
Di Fanti, Buzuzu, Diogo Simões, David e Romário.
Suplentes: Alex, Fabrício, Coelho, Vladimir, Tukinha, Alexis, Fortes e Tom.
Treinador: André Guimarães.

Golos: Célio Coque (2), Renan Fuzo, Paulinho e Miguel Pegacha (Eléctrico); Romário (2) e Diogo Simões (F.Zêzere).

Bom trabalho da equipa de arbitragem.

Equipa de Arbitragem: Associação de Futebol de Portalegre.

No final fomos auscultar as opiniões dos treinadores:

“Kitó” Ferreira, treinador do Eléctrico de Ponte de Sor.

 

André Guimarães, treinador do Sport Clube Ferreira do Zêzere.

*Com David Belém Pereira (multimédia).

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here