Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Terça-feira, Setembro 28, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Futebol: Vitória da U.Atalaiense valorizada pela boa atitude do Aldeiense (com áudio)

Atalaia, 23 de outubro de 2016, 15 horas

- Publicidade -

Campeonato Distrital de Seniores da 2ª Divisão

Série A – 3ª Jornada

- Publicidade -

União Desportiva Atalaiense 2 – Associação Desportiva e Cultural Aldeiense 1

Crónica de Filipe Moura

Numa tarde com pouco sol, mas com uma bancada bem composta, encontravam-se duas equipas em igualdade pontual na tabela classificativa, com um lugar entre os três primeiros em jogo.

A equipa de Santa Margarida tem um melhor inicio de jogo, tentando impor o seu jogo, mas um lance polémico na área atalaiense em que reclamaram penalti, desconcentrou a equipa de Pedro Varino, dando oportunidade para que os alvi-negros equilibrassem as operações. O jogo foi decorrendo em toada de equilíbrio com o perigo a rondar as das áreas, sem que nenhuma das equipas conseguisse ter ascendente claro e duradouro sobre o adversário. Já ao cair do pano sobre a primeira parte, e quando se pensava que ao intervalo o resultado iria ser um nulo, aparecem dois golos de “rajada” da equipa de Nuno Lopes. Primeiro por Paulo Jorge, sobre o minuto 45, na sequência de um livre direto. Dois minutos volvidos, nova bola parada bem batida por Paulo Jorge, mas desta vez João Félix responde com intervenção de qualidade. Faltou-lhe a ajuda da sua defesa para completar o alivio e Cadete, muito oportuno aproveitou para fazer o 2-0.

Pode dizer-se que o resultado era algo dilatado ao intervalo, para o que as duas equipas tinham produzido, mas as oportunidades surgiram e a União Atalaiense “agarrou-as” para fazer avançar o marcador.

Na etapa complementar esperava-se uma reação do Aldeiense e ela aconteceu. Pedro Varino retira Tiago Gonçalves e coloca Luís Contente, alterando posicionalmente alguns jogadores e a equipa do concelho de Constância ficou com ascendente no jogo. Essa sinal mais veio a dar os seus frutos à passagem do quarto de hora (60 minutos de jogo), quando Jeel reduz a desvantagem, devolvendo a esperança à sua equipa para a conquista, de pelo menos um ponto. Foram trinta de minutos em que os forasteiros tentaram tudo por tudo para igualar a partida, conseguiram rondar a área e a baliza contrária, mostraram bom “pulmão”, mas nunca foram eficazes na hora do remate, do outro lado a equipa do concelho de Barquinha, foi jogando com as suas armas, tentando controlar os ritmos de jogo e o tempo, não conseguindo criar registos para alcançar o golo da tranquilidade.

Vitória da equipa de Atalaia, depois de uma jornada em que tinha perdido três jogadores por castigo, vendo premiada a sua eficácia na primeira parte e a sua organização defensiva na segunda, mostrando capacidade de sofrimento e entreajuda para manter a vantagem. A equipa do Aldeiense rubricou a melhor exibição da época, deixando a ideia que merecia mais do que alcançou ao fim dos noventa minutos, porfiou mas não alcançou o objetivo.

O trio de arbitragem realizou um trabalho globalmente aceitável, não isento de erros. No entanto o lance logo aos oito minutos não passou em claro. Do local em que nos encontrávamos pareceu-nos que o defensor da UDA teve uma ação faltosa sobre Leandro Maia, ficando por marcar um castigo máximo a favor dos visitantes. André Clemente mais próximo do local não entendeu assim.

img_20161023_150358
André Clemente foi bastante contestado pelas hostes aldeienses

Ficha de jogo

Parque Desportivo Municipal de Atalaia

Árbitro: André Clemente

Árbitros Assistentes: Henrique Paula e Diogo Vicente

UD Atalaiense

Rafael, David Marques, Gonçalo Barrela, Marco Lopes, Cadete (Ivo Miguel), Pedro Silva, Danny, Pedro Matias (André Valente), João Santos, Fred e Paulo Jorge (João Paulo)

Suplentes: Castanheira, Rodrigo Lourenço, Jota, João Paulo, Madeira, Ivo Miguel e André Valente

Treinador: Nuno Lopes

ADC Aldeiense

João Félix, Paulo Martins, André Miguel, Jaime Alves, Joel, Leandro Maia, Marco Lino, Pedro Alves, Ricardo Branco, Tiago Dias (Tiago Filipe) e Tiago Gonçalves (Luís Contente)

Suplentes: João Rodrigues, Marco Bernarda, Bruno Melo, Luís Contente, Paulo Rui, Rui Gato e Tiago Filipe

Treinador: Pedro Varino

Cartão amarelo: David Marques e Paulo Jorge ; Marco Lino, Pedro Alves e Tiago Dias

Marcadores: Paulo Jorge (45′), Cadete (45’+2) ; Jeel (60′)

A opinião dos treinadores:

Nuno Lopes (Atalaiense)

Pedro Varino (Aldeiense)

Tem 41 anos e uma profissão que tudo tem que ver com jornalismo e informação... Engenheiro Eletrotécnico. O gosto pela informação desportiva ganhou-o ainda criança com o pai e a mãe na rádio. A informação escrita é uma nova aventura. Acredita que o desporto é fator de promoção e desenvolvimento regional e de aproximação "das gentes", pelo que noticiá-lo é um imperativo. Praticou várias modalidades, foi treinador e árbitro de basquetebol. É casado e tem uma filha que o obriga a correr. Colabora na Antena Desportiva da rádio Antena Livre, sendo a rádio uma das suas maiores paixões.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome