Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sábado, Julho 24, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

FUTEBOL: União de Tomar e Mação empatam em jogo desinteressante (com áudio)

3 de janeiro de 2016, 15 horas, Tomar

- Publicidade -

Campeonato Distrital da 1ª Divisão de Seniores da Associação de Futebol de Santarém

União Futebol Comércio e Indústria de Tomar 0 – Associação Desportiva de Mação 0

- Publicidade -

Crónica do jogo por Jorge Beirão

Jorge Beirão
Jorge Beirão

Numa tarde farrusca sem sol, foi um jogo sem sal, insosso, sem aqueles condimentos que empolgam. Um jogo com pouco entusiasmo e de reduzido número de lances de perigo junto das balizas, dignos de registo dois lances apenas, em que a jogada da equipa de Mação que proporcionou um deles, mereceria talvez meio golo, se fosse dos regulamentos, obviamente, por ter sido o lance que se aproximou mais do golo, em todo o jogo.

Foi um jogo jogado nos dois meios campos, com as equipas a ariscarem pouco o ataque deliberado, tal era a grande preocupação dos dois conjuntos em não perder. Foi mais acentuada essa preocupação por parte dos nabantinos na segunda parte, quando a equipa de Mação surge com um futebol mais rápido e ofensivo aproximando-se mais da zona de finalização que a equipa da casa, que por vezes utilizando o futebol direto, via a bola viajar até ao guardião João Rosa, em que talvez tenha sido este o jogo em que utilizou mais os pés que as mãos. E pouco mais há para dizer, acerca do jogo em que o empate foi o mote que cedo deu para entender, embora no segundo tempo a equipa mais inconformada fosse a forasteira, tal como já referimos.

Resultado de 0-0, que não podia ser outro e que se aceita pelo que foi visto dentro das quatro linhas.

Perdida do ataque maçaense no declinar da partida, com a bola a roçar o poste da baliza nabantina. Lance em as equipas estiveram mais perto do golo.

Quanto ao senhor Gonçalo Freire e seus auxiliares Pedro Freire e Vasco Pinto, realizaram um trabalho fraco, com alguns lançamentos laterais e foras-de-jogo mal assinalados. Mesmo em termos disciplinares (por quatro vezes mostrou o cartão amarelo) não estiveram bem. Como exemplo fica um lance dentro da área do União de Tomar, na segunda parte, em que dois jogadores de ambas as equipas caiem ao disputar um lance, tendo o árbitro apitado uma pertença falta, que seria grande penalidade porque o jogador de Mação é empurrado no peito pelo adversário, mas o senhor árbitro adverte-o com amarelo por simulação, depreendemos nós que foi esse o motivo. Foi um erro técnico escondido, com a aplicação disciplinar.

Bruno Lemos foi substituído devido a lesão que aparentava ser grave.

Ficha de jogo:

Estádio Municipal de Tomar

Árbitros: Gonçalo Freire, Pedro Freire e Vasco Pinto

IMG_5810
Entrada das equipa em campo com o trio de arbitragem na frente.

UFCI Tomar

Fábio, Douglas, Filipe, Pedro Figueiredo, Joca, Luís Pedro (Rui China), Bruno Araujo, David, Tiago (Fábio Vieira), Tiago Vieira, Pele (Mauro)

Suplentes: Brito, Queijinho, Fábio Vieira, Hugo, Rui China, Telmo e Mauro

Treinador: Lino Freitas

IMG_5816
União FCI de Tomar

AD Mação

João Rosa, João Vitor, Lele, Saul, Diogo Rocha, Ducho, Luís Esteves, Bruno Pita, Bruno Lemos (Rui Sousa), Persi, Pedro Fernandes (Rui Bento)

Suplentes: Mário Lopes, Bernardo Bento, Marcos Patrício, Rui Bento, Rui Sousa, Jorge Cascalho e Rodrigo

Treinador: Paulo Costa

IMG_5818
AD Mação

A opinião dos treinadores:

Lino Freitas (Tomar)

Lino Freitas (2)
Lino Freitas

 

Paulo Costa (Mação)

IMG_2722
Paulo Costa

Tem 41 anos e uma profissão que tudo tem que ver com jornalismo e informação... Engenheiro Eletrotécnico. O gosto pela informação desportiva ganhou-o ainda criança com o pai e a mãe na rádio. A informação escrita é uma nova aventura. Acredita que o desporto é fator de promoção e desenvolvimento regional e de aproximação "das gentes", pelo que noticiá-lo é um imperativo. Praticou várias modalidades, foi treinador e árbitro de basquetebol. É casado e tem uma filha que o obriga a correr. Colabora na Antena Desportiva da rádio Antena Livre, sendo a rádio uma das suas maiores paixões.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here