Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sábado, Outubro 23, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Futebol | Tramagal e Eléctrico empatam 2-2 num bom jogo de futebol (c/AUDIO e FOTOS)

Jogo Amigável em Tramagal – 02-09-2018 – 17:00

- Publicidade -

Tramagal Sport União 2 – 2 Eléctrico Futebol Clube

Campo de Jogos Comendador Eduardo Duarte Ferreira

- Publicidade -

Formações iniciais com a equipa de arbitragem.

Numa tarde em que os termómetros registavam temperaturas muito altas, jogou-se, no Comendador Eduardo Duarte Ferreira, em Tramagal, aquele que foi o primeiro teste para a nova temporada tanto para a equipa da casa como para a equipa visitante, o Eléctrico Futebol Clube. Nem o imenso calor que se fazia sentir fez com que as pessoas perdessem a oportunidade de ver as suas equipas em acção, preenchendo as bancadas no decorrer do jogo, dando uma boa moldura humana para o primeiro amigável da época.

Ainda haviam adeptos a procurarem um bom lugar para ver o jogo, já o Eléctrico se metia em vantagem. Livre perigoso no lado direito do ataque da equipa visitante, a bola vai para o segundo poste, zona em que aparece um jogador do Eléctrico que cabeceia para o meio, fazendo uma assistência para Diogo, que de cabeça inaugurava o marcador.

Bancadas compostas no primeiro ensaio da equipa de Tramagal.

O Tramagal procurava reagir ao golo sofrido pressionando os seus opositores, mas estes com uma boa posse de bola, procurando depois a profundidade nas costas da defesa da equipa da casa, iam criando algumas oportunidades. O Eléctrico estava melhor no jogo, quando não era de bola corrida, era de bola parada, causando algum sufoco na defesa contrária.

Nesta altura, a equipa da casa jogava um futebol mais directo, tendo como referência o seu avançado, Danny, para este segurar a bola, tabelar com um colega de equipa ou desviar de cabeça para os seus colegas.

Foi ao minuto 16 que Gonçalo Fernandes cria algum perigo num cruzamento/remate, fazendo a bola passar perto da barra da baliza de Ângelo.

TSU e Eléctrico proporcionaram um bom jogo de futebol para esta fase da pré-época. Foto: mediotejo.net

Quatro minutos volvidos e a equipa que actua no campeonato distrital de Portalegre responde com uma bola ao poste direito da baliza de Félix, numa boa jogada pelo lado esquerdo do ataque.

Devido ao calor que não dava tréguas, houve uma pausa em ambas as partes para os jogadores se refrescarem, num jogo agradável de seguir e em que os atletas não regatearam esforços.

Jogadores do Eléctrico refrescam-se numa tarde de imenso calor.

O Tramagal efectuou algumas mudanças na equipa ainda na primeira parte. Até ao intervalo as equipas, que jogaram num sistema táctico semelhante, criavam algumas oportunidades, mas eram raros os lances de perigo iminente para ambas as balizas. De registar um lance da equipa da casa em cima do intervalo. Danny entra com a bola controlada dentro de área, descaído para o lado direito, viu o guarda-redes adversário um pouco adiantado, mas ao tentar picar a bola sobre Ângelo, este adivinhou o lance e segurou a bola facilmente.

As equipas voltavam para a segunda parte da partida com muitas mudanças nas respectivas formações. Esta metade começou como a primeira, com a equipa de Portalegre com maior ascendente no comando do desafio, aproveitando alguns erros cometidos pela equipa da casa e metendo a bola em profundidade para a velocidade dos seus jogadores.

As oportunidades sucediam-se, mas Jaime, guarda-redes da equipa de Tramagal, respondeu sempre da melhor forma, fazendo uma boa exibição. A melhor ocasião de golo surgiu novamente num ataque rápido. Ibra fintou Jaime, assistiu Lucas, mas este rematou por cima, sem o guarda-redes na baliza.

Tramagal tenta assumir o jogo com posse de bola.

Como se diz na gíria, “quem não marca sofre”, e foi isso que aconteceu neste jogo. Estávamos no minuto 72, livre no lado direito do ataque da equipa de Tramagal e Gonçalo Fernandes, num remate bem colocado, fez a bola entrar no ângulo superior direito da baliza do Eléctrico, fazendo assim o empate. Grande golo do capitão dos azuis e que galvanizou os colegas de equipa.

O golo trouxe algum ânimo à equipa visitada, que criou algumas ocasiões soberanas após momentos de desconcentração do adversário. O Tramagal estava na sua melhor fase do jogo e os adeptos respondiam também fora do campo, entoando alguns cânticos de apoio.

Os últimos 15 minutos foram frenéticos. Aos 82, David Nunes cai na área do Eléctrico, mas apesar dos pedidos de penalti, o árbitro nada assinalou.

Poucos minutos depois, novamente uma bola em profundidade trouxe dissabores à equipa da casa. Diogo, o marcador do primeiro golo da equipa do Eléctrico aparece em boa posição no corredor direito, fazendo uma boa assistência para João Alves, que rematou rasteiro e cruzado, junto ao poste esquerdo da baliza de Xico. Estava reposta a vantagem para os homens comandados por Hugo Lopes.

Quando se podia pensar que o resultado estava estabelecido, o árbitro assinala pénalti a favor do Tramagal, num lance em que o defesa do Eléctrico aborda mal a jogada e toca com a mão na bola. Encarregue da marcação da grande penalidade, Gonçalo Fernandes, com muita frieza, bateu o guarda-redes adversário. Bola para um lado, guarda-redes para o outro, fazendo o segundo golo da sua conta pessoal e repondo a igualdade na partida.

Gonçalo Fernandes restabelece a igualdade na marca de grande penalidade.

Até ao final do jogo não houve mais nenhum lance digno de registo. Um jogo equilibrado, com boas oportunidades de golo para ambos os lados, não havendo mais golos por falta de eficácia. Bom espetáculo de futebol e que deixa antever boas prestações de ambas as equipas nos respetivos campeonatos.

Bom comportamento da equipa de arbitragem, que viajou de Abrantes.

Capitães das equipa e um equipa de arbitragem que teve atitude pedagógica e evitou amostragem de cartolinas. Foto: mediotejo.net

Ficha de jogo:

Tramagal Sport União:

Félix; Tonicha; Diogo Marçalo; Condeixa; Variado; Bruno Catarino; Gonçalo Fernandes; Rui Costa; Leandro Maia; Diogo Calado; Danny.

Suplentes: Xico; Jaime; André Miguel; Sérgio Singéis; André Valente; David Nunes e Pedro Brás.

11 Inicial da equipa de Tramagal.

Eléctrico Futebol Clube:

Ângelo; Rosa; Paeco; Tiago; Matos; Compa; Pedro Gomes; João Alves; Diogo; Tomás.

Suplentes: Tiago Teodoro; Ibra; Canha; Guigas; Xico Pereira; Eduardo; António; Lucas; Mestre e Bernardo.

11 Inicial Eléctrico Futebol Clube.

Equipa de arbitragem: João Costa; Tiago Matias; Víctor Custódio.

Equipa de arbitragem com os capitães de equipa.

Golos: Gonçalo Fernandes (Tramagal Sport União) – 2

Diogo e João Alves (Eléctrico Futebol Clube)

No fim do jogo, ouvimos os treinadores das duas equipas:

Rui Horta, Treinador de futebol do TSU.
Foto: mediotejo.net

Hugo Lopes, treinador do Eléctrico. Foto: mediotejo.net

*Trabalho de Duarte Basílio, estagiário da ESTA no jornal mediotejo.net

Estudante na Escola Superior de Tecnologia de Abrantes, no curso de
Comunicação Social, na vertente de jornalismo. O gosto pelo desporto, mais precisamente pelo desporto rei, está comigo desde muito cedo. Atleta federado desde os oito anos, a minha ambição é tornar-me profissional na área do jornalismo desportivo.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome