- Publicidade -

Sexta-feira, Janeiro 21, 2022
- Publicidade -

Futebol | Tomar vence Almeirim e é líder com jovens da formação em destaque (C/ÁUDIO e FOTOS)

UNIÃO F.C.I. TOMAR 4 – UFC ALMEIRIM 0

- Publicidade -

Campeonato Distrital 1ª Divisão AF Santarém | 12ª jornada – 05/12/2021

Estádio Municipal de Tomar

- Publicidade -

Tarde cinzenta no Municipal de Tomar para o encontro da 12ª jornada do distrital de Santarém entre o União de Tomar, que queria somar os três pontos para manter a liderança na tabela, e a equipa da União de Almeirim, que tinha por objetivo amealhar pontos para a luta pela manutenção.

União de Tomar e União de Almeirim defrontam-se na cidade do Nabão.

Não foi isso que aconteceu, os nabantinos foram superiores durante todo o encontro com bons momentos de futebol, mais na segunda metade do que na primeira, sendo que a jovem equipa comandada por Bruno Carrapato mostrou ser aguerrida e também mostrou alguns bons apontamentos de futebol, embora não conseguissem criar grandes situações de perigo para o Tomar. Destaque ainda para os dois juniores lançados a meio da segunda parte por Filipe Pinto que trouxeram mais velocidade ao ataque nabantino, com destaque para Guilherme Nunes, que apontou dois excelentes golos.

O jovem Guilherme Nunes esteve em plano de destaque na equipa do União de Tomar. Foto: mediotejo.net
- Publicidade -

A equipa de Tomar entrou melhor e aos 3 minutos num lançamento longo de Anderson surge o primeiro lance de perigo para a baliza defendida por Diogo Sousa. A bola é lançada para a área onde surge um corte de cabeça da defensiva do União de Almeirim para o lado esquerdo do ataque nabantino, sobrando a bola para Wemerson que desferiu um remate à meia-volta. O guardião almeirinense segurou com alguma facilidade.

Ataque do Tomar à baliza do Almeirim

À passagem do minuto 11, Wemerson vê o seu colega Anderson a fugir pelo lado direito, entrega-lhe a bola e este à entrada da área, num remate rasteiro e cruzado, vê a bola passar ligeiramente ao lado do poste da baliza de Diogo Sousa.

Lance de muito perigo junto da baliza do Almeirim

Wemerson muito ativo na frente de ataque dos nabantinos aos 21 minutos recebe a bola a meio do meio-campo da equipa de Almeirim e segue em direção à baliza. Num forte remate à entrada da área atirou ao lado.

À passagem da meia hora de jogo surge o primeiro golo da equipa de Filipe Pinto. Canto do lado esquerdo apontado por Tiago Vieira ao primeiro poste onde apareceu o defesa Filipe Cotovio a entrar de cabeça e a fazer o golo que dava a vantagem para a equipa nabantina no final dos primeiros 45 minutos.

Jogadores do Tomar festejam um dos golos da tarde

Na segunda metade do desafio, a equipa da casa voltou a entrar forte e aos 4 minutos chegou aos 2-0, num momento crucial do jogo. Canto do lado direito com a bola ser cruzada para o segundo poste, onde Henrique Matos surge de cabeça a colocar ao primeiro poste. Tiago Vieira rematou cruzado obtendo um golo de belo efeito.

Ascendente do Tomar avolumou-se na segunda parte

Com uma entrada muito forte na segunda metade, os tomarenses voltam a estar perto de ampliar a vantagem aos 7 minutos. Excelente jogada de contra-ataque em que Wemerson descobre Tiago Vieira e este num forte remate obriga Diogo Sousa a excelente intervenção enviando a bola pela linha de fundo dando assim canto à equipa nabantina.

Jogo bem disputado, com duas equipas que apostaram na juventude

Bruno Carrapato mexe na equipa e consegue minimizar o ascendente poderio ofensivo nabantino, conseguindo fazer chegar os seus avançados algumas vezes perto da baliza de Ivo Cristo, mas sem criar grandes lances de perigo para o guardião tomarense.

Jovens de Tomar entraram na segunda parte e deixaram um perfume de bom futebol

Filipe Pinto responde e coloca dois juniores em campo. Diogo Ismail e Guilherme Nunes que vieram trazer mais velocidade ao ataque nabantino e que iriam construir o terceiro golo da equipa, aos 40 minutos. Arrancada de Diogo Ismail do lado direito do seu ataque, cruzamento para o segundo poste onde aparece Guilherme Nunes de cabeça a fazer um excelente golo!

União de Tomar foi mais forte e somou mais três pontos, mantendo a liderança da classificação

Já muito perto dos 45 minutos regulamentares um momento mágico do jovem Guilherme Nunes. Excelente arrancada do lado esquerdo deixando um adversário para trás, segue em direção à baliza e num remate cruzado faz mais um excelente golo para a sua conta pessoal e o quarto para a equipa nabantina, estabelecendo o resultado final.

Bom jogo em Tomar com a equipa da casa a mostrar-se em excelente forma, dando espaço a jovens da formação que souberam aproveitar a oportunidade, contra uma equipa do Almeirim onde impera muita juventude que deu sinais de qualidade e de ter todas as condições para subir na tabela classificativa. Bom trabalho da equipa de arbitragem.

FICHA DE JOGO:

UNIÃO F. C. I. TOMAR

Equipa do União de Tomar

Ivo Cristo, David Vieira, Luís Caetano, Filipe Cotovio, Gulherme Graça, Henrique Matos, Tiago Vieira, Leandro filipe, Anderson, Wemerson e Pedro Pires.

Suplentes: Francisco Esteves, Diogo Ismail, Siaka Bamba, Douglas Pissona, Fábio Luzio, Guilherme Nunes e Crystian Pedroso.

Treinador: Filipe Pinto

UFC ALMEIRIM

União de Almeirim

Diogo Sousa, Nuno Lucas, José Libério, Diogo Cruz, ZÉ Mariam, Luís Carlos, Afonso Caldeira, Rafael Dias, Yuran, Capeto e Luan.

Suplentes: Boazinha, Nuno Oliveira, Penteado, João Fragoso, Victor e Valter Xaparro.

Treinador: Bruno Carrapato

GOLOS: Filipe Cotovio, Tiago vieira e Guilherme Nunes (2).

EQUIPA DE ARBITRAGEM: Adriano Chora, Afonso Silva e Pedro Lopes.

Equipa de arbitragem esteve m bom plano

DISCIPLINA: Cartão amarelo: David Vieira, Cryistian, Zé Maria e Yuran.

No final ouvimos os treinadores:

Filipe Pinto, treinador do União de Tomar. Foto: mediotejo.net

ÁUDIO | FILIPE PINTO, TREINADOR DO UNIÃO DE TOMAR:

Bruno Carrapato, treinador do União de Almeirim. Foto: mediotejo.net

ÁUDIO | BRUNO CARRAPATO, TREINADOR DO UNIÃO DE ALMEIRIM:

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome