Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Terça-feira, Agosto 3, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

FUTEBOL: PEGO VENCE EM FERREIRA DO ZÊZERE E ALARGA VANTAGEM NA LIDERANÇA (com áudio)

1 de novembro de 2015, 15 horas, Ferreira do Zêzere

- Publicidade -

Campeonato Distrital da 2ª Divisão de Seniores da Associação de Futebol de Santarém

Sport Clube Ferreira do Zêzere 1 – Casa do Povo do Pego 2

- Publicidade -

Crónica do jogo por João Sampaio:

João Sampaio
João Sampaio

Jogo aguardado com grande expectativa, uma vez que se defrontavam os dois primeiros classificados, separados por apenas um ponto e que ainda não tinham perdido esta época.

Começou de jogo frenético com ambas as equipas a mostrarem que queria os três pontos. Aos sete minutos surge o primeiro golo. Jogada de contra-ataque do Pego, quando João Lopes com um passe teleguiado, solicita a velocidade de Fábio Santos que mais rápido que o defesa da casa, consegue driblar o guarda-redes João Pedro e de ângulo apertado com classe faz o primeiro golo pegacho. Volvidos sete minutos, aos 14 de jogo, surge o empate. Jogada disputada dentro da área forasteira, a defesa do Pego não foi lesta a tirar a bola da zona de perigo, permitindo a Fábio Dias o tempo necessário para puxar a bola para a zona central e rematar sem hipoteses de defesa para Norberto. Com 1-1 no marcador aos 15 minutos, foi ver até ao intervalo duas equipas a justificarem o estarem no topo da classificação e a procurarem ir para o intervalo em vantagem, o que não veio a acontecer.

João Lopes
João Lopes foi figura na equipa pegacha. Assistiu para o primeiro golo e marcou o segundo.

A segunda parte começa com o segundo golo do Pego. Reinicio de partida a pertencer aos pegachos que num ataque rápido e consecutivas tabelinhas, conseguem por João Lopes, já dentro da pequena área fazer o 2-1. Rui Bugalhão e Nando Costa entraram também no jogo operando algumas substituições, um na procura de dar profundidade atacante para alcançar o empate outro para dar mais consistência à sua equipa para aguentar as investidas caseiras. Estávamos numa toada de ataque da casa e contra-ataque forasteiro. Aos 69 minutos surge o lance que poderia dar o empate. Após vários ressaltos e carambolas dentro da área do Pego, a bola sobra para um jogador ferreirense que remata para a baliza e quando todos já gritavam golo, surge Norberto em voo a fazer uma defesa do outro mundo e a manter a sua equipa em vantagem.

Norberto
Norberto evitou o segundo golo ferreirense com intervenção de elevado nível. Foto arquivo mediotejo.net

 

Nessa altura o Pego uniu-se ainda mais, tirando espaços ao ataque contrário e aproveitando para lançar contra-ataques venenosos que só não deram o 3-1 porque os atacantes decidiram mal no ultimo momento, por seu turno o Ferreira do Zêzere vendo o tempo passar ia jogando mais com o coração do que com a cabeça sem grande efectividade. Foi assim que chegámos ao apito final do árbitro da partida.

Bom jogo entre dois candidatos a um dos três primeiros lugares da série, em que ganhou a equipa que foi mais organizada, mais calma e mais compacta.

Arbitragem sem influência no resultado, mas que não passou ao lado de erros menores.

Ficha do jogo:

Campo Municipal Engenheiro Lopo de Carvalho

Árbitros: Vasco Pinto, Gonçalo Freire e Pedro Freire

Gonçalo Freira, Pedro Freire e Vasco Pinto
Trio de arbitragem. Foto arquivo mediotejo.net

SC FERREIRA DO ZÊZERE

João Pedro, Luis Caetano, Diogo Marques, César, Fábio Marques, Fábio Dias (João Diogo), António, Gerardo, João Mendes (Rafa), Rato e João Ramos (Júlio)

Suplentes: Joel, Duarte Gaspar, Rafa, João Diogo, Júlio, Nani e Marco Ferreira

Treinador: Rui Bugalhão

CP PEGO

Norberto, João Ruivo, Tiago Dias, Pedro Almeida, Igor (Zé Tomé), Tiago Garrido, João Bioucas, Péron (André Neves), Di Maria, Fábio Santos (António Sanches) e João Lopes

Suplentes: Caio, Witsel, Zé Tomé, André Neves, Diogo, Gonçalo Cadete e António Sanches

Treinador: Nando Costa

Marcadores: Fábio Dias; Fábio Santos e João Lopes

A opinião do treinador:

Nando Costa (Pego)

Nando Costa (2)
Nando Costa

 

Tem 41 anos e uma profissão que tudo tem que ver com jornalismo e informação... Engenheiro Eletrotécnico. O gosto pela informação desportiva ganhou-o ainda criança com o pai e a mãe na rádio. A informação escrita é uma nova aventura. Acredita que o desporto é fator de promoção e desenvolvimento regional e de aproximação "das gentes", pelo que noticiá-lo é um imperativo. Praticou várias modalidades, foi treinador e árbitro de basquetebol. É casado e tem uma filha que o obriga a correr. Colabora na Antena Desportiva da rádio Antena Livre, sendo a rádio uma das suas maiores paixões.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome