Futebol: Pego vence Cartaxo e continua a surpreender

Foto Emanuel Coxinho

Pego, 9 de outubro de 2016, 15 horas

PUB

Campeonato Distrital da 1ª Divisão de Seniores da AFS

5ª jornada

PUB

Casa do Povo do Pego 4 – Sport Lisboa e Cartaxo 2

Crónica de João Sampaio

PUB

Inicio de jogo muito movimentado, tendo começado melhor a equipa do Cartaxo, apostada em surpreender os pegachos, que levaram algum tempo a acertar nas marcações. Com os visitados já estabilizados sobre o terreno, foi aos 20 minutos que a contenda fica equilibrada, passando a haver perigo junto das duas áreas. Foram mais felizes os homens da casa, que ao minuto 27 chegam ao golo por Gustavo. Cruzamento para a área e Gustavo de rompante, foge às marcações e atira a contar.

A reação dos cartaxenses não se faz esperar e passam a jogar de forma mais vertical, com o intuito de chegar mais rápido à área contrária e consequentemente ao empate. O Pego confortável no jogo (começamos a acreditar que não será fácil para os adversários desmontar a organização pegacha quanto estes se encontrarem em vantagem) junto as linhas e os setores, retirando assim os espaços que o adversário procurava e ficando com a possibilidade de lançar o contra-ataque. Quando se esperava que o intervalo chegaria com a vantagem mínima, eis que surge o segundo golo. Desatenção do setor recuado cartaxense, entra um passe nas costas da defensiva que isola Gustavo, e o remate do atacante pegacho só é parado devido a grande “parada” de Ricardo Dinis. Não apareceu a necessária ajuda defensiva para afastar a bola, mas surge David que atira para o fundo das malhas forasteiras. Em cima do intervalo, ficar com dois golos de vantagem, foi ouro sobre azul, qual equipamento do Pego, para os homens do concelho de Abrantes.

img_5857
Saudação das três equipas ao público presente no Campo de Jogos do Pego. Foto Emanuel Coxinho

A perder por 2-0, os treinadores do Cartaxo trazem duas alterações no onze para o segundo tempo, tentando dar mais balanceamento ofensivo à equipa, na procura do golo e de voltar a entrar no jogo. O certo é que estamos a falar de futebol, que de exato não tem nada. Se os planos do Cartaxo era bons, foram estragados logo aos 5 minutos (50 de jogo). Bola para a área, os defensores encarnados não conseguem afastar a bola da sua área, aparecendo mais lesto, Tiago Silva, enchendo o pé e fazendo o terceiro para o Pego. Balde de água gelada para os forasteiros, que inesperadamente não atiraram a toalha ao chão. Foram à luta e cinco minuto volvidos (55 de jogo) reduzem a desvantagem por intermédio de Gonçalo Benavente. A partir daqui os treinadores começam também a jogar do banco, procedendo a algumas alterações o que fez o jogo perder alguma fluidez. O tempo ia passando e a 11 minutos dos 90, contando com alguma passividade da defesa da casa, Bernardo Oliveira, reduz para a diferença mínima, voltando a reavivar o jogo até ao fim. O Cartaxo ainda tentou o assalto final à baliza de Daniel, mas esbarrou sempre na organização e acerto defensivo da equipa da casa e também não contou com a ajuda de Tiago Coutinho que aos 87 minutos recebe ordem de expulsão do árbitro, por entrada imprudente sobre Tiago Marchante.

Quando se esperava pelo apito final o Pego chega ao 4-2, por Danilo, que isolado perante Ricardo não falha, surgindo o apito final de imediato por parte do árbitro.

Vitória certa da Casa do Povo do Pego, que continua a mostrar ser muito difícil para os adversários jogar no Campo de jogos do Pego, que o digam Fazendense, Amiense e Cartaxo. Aproveitando os jogos em casa para amealhar os pontos, que lhe vão dando alguma tranquilidade na tabela classificativa. Quanto ao Cartaxo, não está a ter um arranque de campeonato positivo.

O trabalho do trio de arbitragem não foi fácil, em especial do árbitro, que não contou com a ajuda dos intervenientes, mas também temos que dizer que ajudou a que assim fosse, pois revelou alguma condescendência no aspeto disciplinar. No entanto, não teve qualquer influência no apuramento do vencedor da partida.

Ficha do jogo

Campo de jogo do Pego

Árbitro: André Fonseca

Árbitros Assistentes: Rodrigo Viana e Adelino Dias

img_5856
Rodrigo Viana, André Fonseca e Adelino Dias. Foto Emanuel Coxinho

CP Pego

Daniel, David, Zé Tomé (Pedro Almeida), Basílio, Igor, Luís Ferreira, Faneca, Tiago Silva (Danilo), João Bioucas (Tiago Marchante), Fábio Santos e Gustavo (Pisco)

Suplentes: Norberto, João Ruivo, Pedro Almeida, Danilo, Pisco, Tiago Marchante e Singéis

Treinador: Wilson Leite

SL Cartaxo

Ricardo Dinis, Miguel Ferreira (Morgadinho), Bernardo Oliveira, Chevi (João Antunes), Diogo Nogueira, João Soares (João Figueiredo), Tiago Coutinho, Daniel Capitão, Diogo Martins, Samuel e Gonçalo Benavente

Suplentes: Capê, Tiago Ferreira, Morgadinho, João Antunes, Tiago Vitorino e João Figueiredo

Treinador: Nuno Casimiro e Bruno Brito

Cartão amarelo: Basílio e Pedro Almeida ; Bernardo Oliveira, Diogo Nogueira, Morgadinho e João Figueiredo

Cartão vermelho: Tiago Coutinho

Marcadores: Gustavo (27′), David (44′), Tiago Silva (50′) e Danilo (90’+5) ; Gonçalo Benavente (55′) e Bernardo Oliveira (79′)

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here