- Publicidade -

Domingo, Dezembro 5, 2021
- Publicidade -

Futebol | Mação arranca preciosa vitória em Ferreira do Zêzere em festival de penaltis (c/fotos/audio)

SPORT CLUBE FERREIRA DO ZÊZERE 2 – ASSOCIAÇÃO DESPORTIVA DE MAÇÃO 4
Campeonato Distrital da AFS- 1ªDivisão- 13ª jornada
Campo Engº Lopo de Carvalho
Ferreira do Zêzere
14-01-2018

- Publicidade -

Lance viril a meio campo.

O líder Mação não atravessa um bom momento. Os castigos e lesões têm perseguido a equipa de João Vitorino que em Ferreira do Zêzere se apresentou com quatro suplentes e perdeu João Vitor no aquecimento sendo imediatamente rendido no onze inicial por Bernardo. Mas a “estrelinha de campeão” existe… e logo no minuto inicial, na primeira jogada do desafio, o árbitro descortinou uma falta perto do bico da área da equipa da
casa. Miguel Luz, chamado à conversão, fê-lo de forma superior batendo Telmo sem apelo nem agravo. O marcador mexia antes do cronómetro dar uma volta completa.

- Publicidade -

Miguel Luz abre o marcador de livre direto no primeiro minuto.

Na resposta a equipa ferreirense rapidamente se abeirou da àrea do Mação e um derrube displicente deu origem à marcação de uma grande penalidade. Da marca dos onze metros o líder dos marcadores no distrito, Tiago Vieira, não tremeu e repôs a igualdade. Isto tudo ao minuto dois. Um início alucinante…

O golo da equipa da casa espicaçou os jogadores maçaenses e logo na reposição Miguel Luz serviu João Freitas que rematou contra um contrário ganhando um canto. Na conversão Gonçalo Lélé cabeceou por cima. O jogo entrou numa toada de equilíbrio.

As equipas privilegiavam os passes longos, pelo meio, em futebol completamente vertical. As ocasiões de golo escasseavam já que as defesas suplantavam os ataques. Aos 19 minutos Marcos Patrício decidiu dar um pontapé na monotomia e teve uma excelente arrancada pela direita, foi à linha e cruzou direitinho para a cabeça de Júlio Batista que fuzilou a baliza de Telmo.

Julio Batista marcou e colocou o Mação a vencer por 2-1.

Apesar do Mação estar de novo na frente o cariz do jogo não se alterou e as ocasiões de golo eram raras. Aos 29 minutos foi a vez de Miguel Séninho testar a atenção do guarda redes Telmo com um potente remate de fora da área. A resposta veio em cima dos 37 minutos quando Tiago Vieira proporcionou a Chico Sousa boa defesa.

O intervalo aproximava-se mas antes tempo para contestação: João Freitas terá entrado na área ferreirense em falta, o árbitro mandou jogar e Freitas acaba puxado para o chão. Penalty assinalado e um coro monumental de protestos de todos os afectos à equipa da casa.

Alheio à polémica Miguel Luz aproveitou para bisar no encontro e colocar o marcador em 1-3, favorável ao Mação. E foi com este “score” que as equipas recolheram aos balneários. Resultado justo, premiando a equipa mais criativa.

 

Lance disputado a meio campo.

Eduardo Fortes, treinador ferreirense, inconformado, procedeu a alterações ao intervalo. E a equipa da Capital do Ovo entrou melhor no segundo tempo. Logo ao terceiro minuto Danilo ensaiou potente remate a que se opôs Chico Sousa. Continuava-se a privilegiar o futebol direto mas com pouco rendimento ofensivo.

Aos 59 minutos Bruno Garcia voltou a testar a atenção do guarda redes maçaense com potente remate de longe. À passagem dos 65 minutos Rafael entrou em dribles na àrea de Mação, rematou forte e a bola embateu com estrondo na base do poste da baliza à guarda de Chico Sousa.

Perante o espanto e protestos da equipa de Mação, o árbitro Daniel Sousa voltou a apontar a marca da grande penalidade. Tiago Vieira voltou a acertar na baliza dos visitantes colocando a sua equipa à distância de um golo.

Tiago Vieira bate Chico Sousa de grande penalidade.

A equipa da Catedral do Presunto quis remar contra as adversidades e aos 70 minutos Prates aqueceu as luvas de Telmo. Boa defesa. No minuto seguinte Tiago Vieira isolou-se e na cara de Chico Sousa permitiu a defesa deste, para canto.

Aos 77 minutos foi a vez de Miguel Seninho, em tarefas ofensivas, tentar o remate. Saiu defeituoso por cima. À passagem do minuto 80 Júlio Batista terá tocado em Rafael, já dentro da área, e de novo o árbitro a apontar a marca do castigo máximo.

No meio do “sururu” que se criou Daniel Sousa deu ordem de expulsão a Gonçalo Lélé, rectificando logo de seguida para cartão amarelo !!! Novamente chamado à conversão Tiago Vieira, desta feita, atirou à base do poste direito da baliza de Chico Sousa. Gorava-se assim a hipótese de empatar o encontro.

A faltar pouco para o final nenhuma das equipas parecia ter capacidade física e anímica para alterar o rumo dos acontecimentos. Esgotado o tempo regulamentar subiu a placa com um cinco. Era o que havia para jogar.

No primeiro desses minutos Rato tentou, de cabeça, bater Chico Sousa. O guarda redes esteve melhor. Logo de seguida Miguel Seninho recebeu, pela esquerda, junto à linha, fez uma diagonal para dentro até se enquadrar com a baliza de Telmo e rematou cruzado, rasteiro, fixando o resultado final.

Miguel Seninho enquadra-se com a baliza de Telmo.
Fez o quarto da sua equipa.

O jogo terminou pouco depois. Resultado justo com vitória da equipa, que apesar de apresentar alguns atletas lesionados, melhor futebol praticou. Deste lote de jogadores pode sair “um coelho da cartola” a qualquer momento…

O Ferreira do Zêzere deixou uma excelente imagem e poderá vir a fazer um campeonato interessante. O jovem árbitro Daniel Sousa acusou a responsabilidade do encontro e demonstrou que tem margem de progressão. Não interferiu na repartição dos pontos.

João Freitas bate livre sobre a barreira adversária.

FICHA DE JOGO

SPORT CLUBE FERREIRA DO ZÊZERE:
Telmo, André Silva, João Mendes (Rafael), Fábio Dias (Rato), Danilo (Cláudio Nunes), Fábio Ruivo (Renato Cruz), Gerardo (Nuno Lopes), Tiago Vieira, Bruno Garcia, Gustavo e Miguel Dias.
Suplentes não utilizados: Silveiro e André Oliveira.
Treinador: Eduardo Fortes.

Sport Clube Ferreira do Zêzere.

ASSOCIAÇÃO DESPORTIVA DE MAÇÂO:
Chico Sousa, Miguel Seninho, Esteves, Gonçalo Lélé, Bernardo, Bruno Lemos, Prates (Pedro Louro), Júlio Batista, Miguel Luz, João Freitas e Marcos Patrício.
Suplentes não utilizados: Nabais, João Vitor e Rui Sousa.
Treinador: João Vitorino.

Associação Desportiva de Mação.

GOLOS: Tiago Vieira (2) (SCFZêzere); Miguel Luz (2), Júlio Batista e Miguel Seninho (ADMação).

EQUIPA DE ARBITRAGEM:
Daniel Sousa, David Silva e Filipe Godinho.

Equipa de Arbitragem: Daniel Sousa, David Silva e Filipe Godinho com os capitães de equipa.

No final ouvimos as opiniões dos treinadores de ambas as equipas:

Eduardo Fortes-Treinador do F.Zêzere.

 

João Vitorino-Treinador da ADMação.

*Com David Pereira (fotos).

Nasceu a 30 de Janeiro de 1961 em Lisboa e cresceu no Alentejo, em Santiago do Cacém. Dali partiu em 1980 para ingressar no Exército e no Curso de Enfermagem. Foi colocado em Santa Margarida e por aqui fez carreira acabando por fixar-se no Tramagal em 2000. A sua primeira ligação à Vila "metalúrgica" surge em 1988 como Enfermeiro do TSU. Munido da sua primeira câmera digital, em 2009 e com a passagem à situação de reserva, começou a registar a fauna do Vale do Tejo, a natureza e o património edificado da região, as ruas, as pessoas... Com colaborações regulares em jornais da região e nacionais este autodidata acaba por conseguir o reconhecimento público, materializado em alguns prémios. Foi galardoado na 8ª Gala de Cultura e Desporto de Tramagal na categoria de Artes Plásticas (Fotografia) em 2013.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome