Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Quinta-feira, Outubro 21, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Futebol/Juniores | Alcanenense mostra categoria e vence Vitória de Setúbal por 3-1

ATLÉTICO CLUBE ALCANENENSE 3 – VITÓRIA FUTEBOL CLUBE 1
Campeonato Nacional Juniores 1ª Divisão – 1ª Fase Série Sul – 4ª Jornada
Estádio Municipal Joaquim Maria Baptista
Alcanena
15/09/2018

- Publicidade -

Bom jogo de futebol em Alcanena (foto: mediotejo.net)

Tarde de sábado muito quente no Municipal Joaquim Maria Baptista em Alcanena, mas não foi por isso que mais de uma centena de adeptos de ambas a equipas quiseram assistir a um bom jogo de futebol, onde os jovens de Alcanena conseguiram e mereceram a primeira vitória, contra o Vitória de Setúbal, no campeonato nacional da categoria. Mostraram muita união e entrega, corolando uma boa exibição somando os três pontos em disputa.

- Publicidade -

Equilíbrio foi dominante entre Alcanenense e Vitória (foto: mediotejo.net)

Nos primeiros 15 minutos as equipas tentavam encaixar-se e o primeiro lance de algum perigo surgiu aos 7 minutos para a equipa de Setúbal através de bola parada. O primeiro golo da equipa da Capital da Pele surgiu através de uma grande penalidade bem assinalada pelo juiz da partida Quitério Almeida e que acabaria por ditar o resultado ao intervalo. 1 – 0 para o Alcanenense.

Vitória cria o primeiro lance de perigo no encontro (foto: mediotejo.net)

Segunda parte também de equilíbrio e pontaria afinada de Mário Maeda a bisar no encontro. Aos 57 minutos de jogo a equipa da casa já vencia por 3 – 0. Ainda assim o Vitória não desistiu do jogo e continuou em busca do golo, o que viria a acontecer numa fase de grande pressão sob os pupilos de Pedro Cordeiro.

Mário Maeda esteve de pontaria afinada e bisou na partida (foto: mediotejo.net)

Decorridos 7 minutos de jogo nasce o primeiro lance com algum perigo para a baliza de José Miguel através da marcação de um pontapé livre do ataque do lado esquerdo da equipa de Setúbal, onde o cruzamento sai para a área mas felizmente para a equipa da casa ninguém chega ao cruzamento perigoso.

Início de jogo com equipas a tentarem encaixar-se (foto: mediotejo.net)

O Alcanenense responde e aos 12 minutos após boa troca de bola entre os seus jogadores, o lateral cruza, mas Tomaso, muito atento, antecipa-se e dá fim ao lance de ataque.
O capitão de equipa do Vitória, Marouca, vê a primeira cartolina amarela do jogo aos 18 minutos após dura falta sobre João Mendes. Tomaso, num lance divido na sua área, fica lesionado e é “obrigado” a ser substituído. Entra Diogo Santos para o seu lugar.

Equipa da casa fez uma boa exibição (foto: mediotejo.net)

O Alcanenense pressiona o adversário e ao 29 minutos Juninho remata à baliza setubalense mas o remate sai ao lado. Aos 36 minutos, Quitério Almeida assinala grande penalidade sobre o mesmo Juninho e João Mendes chamado a converter o castigo máximo atira para o fundo da baliza. Estava feito o 1 – 0 para a equipa da casa.

Ambas as equipas mostraram garra(foto: mediotejo.net)

Na segunda parte ambas as equipas vêm com vontade de fazer estragos nas balizas adversárias e aos 52 minutos Mário Maeda entra na área adversária e remata para o fundo da baliza, fazendo o 2 – 0 para o Alcanenense.

O Vitória tenta responder e aos 53 minutos, através da marcação de um pontapé de canto curto, o avanço setubalense remata mas muito por cima. Nelson Valente mexe na equipa e coloca Carvalha no lugar de Gui.

Mário Maeda estava em dia de pontaria e aos 57 minutos, num contra-ataque, faz o 3 – 0 para a sua equipa e segundo para a sua conta pessoal.

Mário Maeda festeja o golo (foto: mediotejo.net)

O Vitória não desiste e continua em busca de um golo. Aos 65 minutos, através de um bom lance de ataque, o seu avançado recebe a bola rematando, mas ligeiramente ao lado.
A primeira substituição da equipa da casa surge aos 67 minutos entrando João Moreira para o lugar de Juninho. O mesmo João Moreira veria o amarelo aos 74 minutos.
Pedro Moreira volta a mexer na equipa e coloca Ronaldinho no lugar de João Costa.

Apesar do calor, os atletas correram imenso (foto: mediotejo.net)

Nesta fase do jogo a equipa que viajou de Setúbal pressionava o seu adversário e aos 85 minutos esta pressão deu resultados. Diogo Lopes marca para a sua equipa e reduz o resultado para 3 – 1. A um minuto do fim o Alcanenense esgota as substituições entrando Bernardo Louro para o lugar de João Mendes.

Ainda antes do fim do tempo regulamentar, cartolina amarela mostrada a Carvalha da equipa de Setúbal. Durante os 7 minutos que o árbitro deu, o Vitória pressionou mas sem causar perigo perto da baliza adversária.

Jogadores de Alcanena agradecem apoio dos sócios (foto: mediotejo.net)

Boa prestação da equipa de arbitragem.

FICHA DE JOGO:

ATLÉTICO CLUBE ALCANENENSE
José Miguel; Welisson; João Afonso; Guilherme Barros; Gabriel; João Mendes (Bernardo Louro); João Costa (Ronaldinho); Guilherme Tonial; Juninho (João Moreira); Mário Maeda e Marco Faria.
Suplentes não utilizados: Caio; Tomas Brites; Tomas Pereira e Sandro Moço.
Treinador: Pedro Cordeiro

Atlético Clube Alcanenense (foto: mediotejo.net)

VITÓRIA FUTEBOL CLUBE
Tonmaso (Diogo Santos); Bruno A.; Marcos; Rodeia; Bagão; Nito; Gui (Carvalha); Ventura; D. Lopes; Quendera e Marouca.
Suplentes não utilizados: André N.; Filipe; Picado; João Costa e Alex Mendes.
Treinador: Nelson Valente

Vitória Futebol Clube (foto: mediotejo.net)

GOLOS; João Mendes; Mário Maeda (2) e Diogo Lopes

EQUIPA DE ARBITRAGEM: Quitério Almeida; Ricardo Oliveira e Flávio Ramos

Equipa de arbitragem e capitães de equipa (foto: mediotejo.net)

DISCIPLINA:
Cartão Amarelo: Marouca; Cosin; João Moreira e Carvalha.

No final do encontro fomos ouvir ambos os treinadores:

Pedro Cordeiro, treinador Alcanenense (foto: mediotejo.net)

 

Nelson Valente, treinador do Vitória (foto: mediotejo.net)

Natural e residente em Tomar, tem como profissão Distribuidor, mas é com a fotografia que se identifica. É amante desta arte em geral, mas a sua verdadeira paixão é a Natureza e Vida Selvagem e os Retratos. É autor do livro de fotografia “Alma Nabantina” e fundador/administrador dos grupos do Facebook “Amigos da Fotografia de Tomar” e "Fauna de Tomar”. Colabora na área de fotografia na imprensa regional e local e já em 2018 foi júri convidado de dois concursos de fotografia. Neste ano conta também com duas exposições de fotografia coletivas, preparando atualmente a terceira.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome