Futebol Jovem: CADE vence Benavente e assume liderança da 1ª Distrital de Juniores (com áudio)

2 de abril de 2016, 15 horas, Entroncamento

PUB

Campeonato Distrital da 1ª Divisão de Juniores da Associação de Futebol de Santarém

Clube Amador de Desportos do Entroncamento 2 – Grupo Desportivo Benavente 0

PUB

Crónica do jogo por Jorge Beirão

Foto1.1
Jorge Beirão

Complexo Desportivo do Bonito no Entroncamento, tarde de primavera, céu nublado com vento fraco mas bastante fresco. Relvado sintético em excelentes condições.

PUB

Entrou melhor na partida a equipa do CADE, que pese embora a ausência de alguns jogadores devido às férias da páscoa, mostrou logo o que pretendia. Vencer a partida e substituir a sua congénere de Benavente no topo da tabela classificativa. Pensamos que as ausências referidas na equipa do CADE, foram bem colmatadas por alguns jogadores da equipa de juvenis, que disputa o nacional da categoria na presente época, adiantando nós que essa melhor entrada no jogo por parte da equipa do CADE, aconteceu também por estes juvenis virem com uma experiência em termos de ritmo competitivo e exigência técnica superior. Mas também diremos que a equipa de Benavente não se intimidou e fez valer a sua maior capacidade física no que respeita às bolas divididas e impondo uma certa agressividade competitiva que em alguns lances roçou o exagero, diga-se de passagem.

Por outro lado, os forasteiros também quiseram impor o seu jogo mas não conseguiram porque a defesa da casa esteve muito coesa e também contou com uma prestação bastante segura do seu guarda-redes Filipe Oliveira, que quanto a nós, foi o grande obstáculo para os rapazes de Benavente, principalmente na segunda parte, quando existiu ataque porfiado do Grupo Desportivo de Benavente.

Na primeira parte assistimos a um melhor entrosamento atacante por parte do CADE, que culmina com a obtenção dos dois golos da vitória. O primeiro por intermédio de David Nunes, ainda juvenil, aos 12 minutos de jogo, que cabeceou como mandam as regras, surpreendendo a defensiva forasteira pelo modo oportuno que “atacou” o lance.

IMG_7500 David, de chuteiras verdes já cabeceou para o fundo da baliza de Nicolau, estava feito o 1º da partida
David (de botas verdes) já cabeçou para o fundo da baliza do Benavente

O segundo, aos 27 minutos, em que Rafael dentro da área remata de primeira após o passe, surpreendendo o guardião Nicolau.

IMG_7506 2º golo do Cade marcado por Rafael
Rafael , de primeira, no coração da área forasteira amplia a vantagem do CADE para 2 golos

No segundo tempo as coisas foram bem diferentes, assistimos a uma equipa do CADE mais preocupada em defender com blocos baixos, sem pressionar o adversário logo na organização ofensiva como havia feito no primeiro período, dando origem a uma leitura correta por parte do treinador benaventense, que alargou a frente de ataque e pediu mais velocidade na transposição defesa ataque. Tudo correto, mas quem não estava pelos ajustes era o quarteto defensivo do CADE e principalmente Filipe Oliveira que esteve excelente, estimulando os seus colegas para um jogo de grande sacrifício demonstrando que podiam contar com ele.

IMG_7520 A defesa da tarde de Filipe a evitar o golo do Benavente
Filipe Oliveira, fez a defesa da tarde ao negar o golo ao Benavente. Uma de muitas boas intervenções do guarda-redes da casa

Diremos em conclusão que a vitória assenta bem à equipa do CADE, porque foi a equipa que demonstrou melhor discernimento na zona de finalização e melhor entrosamento entre os seus sectores. A equipa do Benavente, mostrou ser uma boa equipa, sem dúvida, não é por acaso que liderava a classificação, com jogadores bastante experientes, mas que nesta tarde não se entenderam com o sistema de jogo utilizado pelo seu adversário e onde ainda, os seus dianteiros se mostraram, neste jogo, parcos de ideias na frente de ataque.

Quanto à equipa de arbitragem, árbitro Adelino Crespo e assistentes Carlos Maia e David Ribeiro, diremos que o chefe de equipa em termos técnicos esteve em excelente plano assim como o assistente Carlos Maia. Não poderemos dizer o mesmo do assistente David Ribeiro, porque deixou passar um fora de jogo bastante claro do ataque do CADE, no segundo tempo, criando grande alarido no banco da equipa forasteira. Quanto ao aspeto disciplinar pensamos que Adelino Crespo quis ser benevolente neste jogo, pese embora tivesse sempre o jogo na mão, como se costuma dizer, deveria ter admoestado com a cartolina amarela algumas entradas mais ríspidas por parte dos jogadores. No capítulo disciplinar, o empate a uma cartolina para cada lado, beneficia a equipa que viajou do sul do distrito.

Ficha do jogo

Complexo Desportivo do Bonito

Árbitro: Adelino Crespo, Carlos Maia e David Ribeiro

IMG_7491
David Ribeiro, Adelino Crespo e Carlos Maia

CADE

Filipe Oliveira, Luís Badalo, Ricardo Sousa, Diogo Alfaro, Ricardo Simões, Gonçalo Mendes, Rafael Silva (André Silva), Rodrigo Rosa, Telmo Carreira, David Nunes (Daniel Andrade) e José Oliveira (Hernâni)

Suplentes: Leandro Coelho, André Silva, João Bernarda, Daniel Andrade, Hernâni e Tiago Marques

Treinador: Vitor Serra

IMG_7496
CADE

GD Benavente

Nicolau, Ruben, Ricardo, Nuno, Saraiva (Duarte), João Paulo (Pedro Oliveira), Fred, João Rego (Rafael), Duarte, Bruno e Pedro

Suplentes: Francisco Pereira, António Nunes, Pedro Oliveira, João Bento, Francisco, Rafael e Duarte

Treinador: Rogério Vicente

IMG_7498
GD Benavente

Marcadores: David Nunes (12′) e Rafael Silva (27′)

Cartões Amarelos: Gonçalo Mendes (81′) ; Duarte (79′)

A opinião dos treinadores:

Vitor Serra (CADE)

Rogério Vicente (Benavente)

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here