Futebol/Inatel | Protesto deu vitória ao Rossiense sobre o Vale das Mós

A equipa de Vale das Mós foi punida com sanção disciplinar e derrota por 3-0 no jogo que disputou com o Rossiense, por utilização indevida de um jogador no jogo da 4ª jornada do Grupo A2 da Liga Inatel, disputado a 16 de fevereiro. O jogo havia terminado com um empate sem golos.

PUB

Por utilização de um jogador já inscrito nos Campeonatos Distritais, o guarda redes João Silva, no jogo do Vale das Mós em Rossio ao Sul do Tejo, na quarta jornada da segunda fase, a equipa de Vale das Mós foi punida com derrota e a coima de 50€.
O jogo havia terminado com um empate a zero, conforme o mediotejo.net havia noticiado.

Futebol/Inatel | Equipas do Rossio e de Vale das Mós em desaceleração justificam o nulo (C/fotos e audio)

PUB

Com esta correção o União Desportiva Rossiense passou a ombrear com o S. Miguel do Rio Torto na terceira posição da tabela, ambos com quatro pontos. O Bairrense lidera a série com 10 pontos, seguido do Casais de Revelhos com oito.

Segundo o blogue “Abrantes na frente” a situação foi espoletada por protesto formal da direção da UDRossiense.

PUB
PUB
Jorge Santiago
Nasceu a 30 de Janeiro de 1961 em Lisboa e cresceu no Alentejo, em Santiago do Cacém. Dali partiu em 1980 para ingressar no Exército e no Curso de Enfermagem. Foi colocado em Santa Margarida e por aqui fez carreira acabando por fixar-se no Tramagal em 2000. A sua primeira ligação à Vila "metalúrgica" surge em 1988 como Enfermeiro do TSU. Munido da sua primeira câmera digital, em 2009 e com a passagem à situação de reserva, começou a registar a fauna do Vale do Tejo, a natureza e o património edificado da região, as ruas, as pessoas... Com colaborações regulares em jornais da região e nacionais este autodidata acaba por conseguir o reconhecimento público, materializado em alguns prémios. Foi galardoado na 8ª Gala de Cultura e Desporto de Tramagal na categoria de Artes Plásticas (Fotografia) em 2013.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).