Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sábado, Setembro 25, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Futebol (Inatel): Envendos goleia e vai à Final da Série 2 da Inatel

8 de maio de 2016, 16 horas, Envendos

- Publicidade -

Campeonato Distrital de Futebol da Inatel de Santarém – Série 2 – Meias-Finais

Centro Social Cultural e Desportivo de Envendos 4 – Atlético Clube Recreativo Espinheirense 0

- Publicidade -

Crónica do jogo por Jorge Beirão

Jorge Beirão 3
Jorge Beirão

No Campo Engº Abílio Aparício da Mata em Envendos, foi uma tarde de chuva e vento, com um terreno pelado bastante enlameado, consequentemente com condições difíceis para a prática do futebol.

Frente a frente equipas que superaram os seus adversários dos quartos de final pelo mesmo score, 2 – 1, o que poderia indiciar um jogo bastante equilibrado.

No início da partida denotou-se logo alguma dificuldade em ambas as equipas em conseguir superar as dificuldades impostas pelas condições climatéricas, apresentando-se um terreno de jogo com bastante lama, impossibilitando que a bola fosse jogada pelo chão, o que dificultava o equilíbrio dos jogadores e prejudicava o ajuizar de eventuais irregularidades cometidas pelos mesmos, por parte da equipa de arbitragem.

Desde o primeiro minuto que nos apercebemos que o jogo não iria ser nada por aí além, no que respeita a grandes prestações das equipas em confronto, porque em termos técnicos não houve qualquer novidade, depois porque no que respeita à adaptação às condições do terreno ainda pior. Ou seja, jogava-se ou melhor, tentava-se jogar como se de terreno seco se tratasse, principalmente por parte da equipa da casa. Até diremos que Raul Macena talvez tenha terminado o jogo com algum problema nas cordas vocais devido a ter gritado tanta vez: “PONHAM A BOLA NA FRENTE”.

IMG_8455 Bruno Torres evita o primeiro da partida
Bruno Torres não teve uma tarde fácil, mas aqui evita o primeiro da partida

IMG_8459 Alexandre  esteve sempre atento
Alexandre, guarda-redes dos Envendos, mostrou-se seguro e atento

Sem entrarmos em grandes crónicas sobre a partida, porque também não há muito para dizer, pois num campo pesado e difícil, o futebol jogado foi pouco. Acrescentaremos que a vitória assenta bem à equipa de Envendos, por ter sido a que melhor se adaptou às condições do terreno de jogo, tendo ainda beneficiado de uma prestação menos conseguida do guarda-redes da equipa que viajou do concelho de Alcanena, o A.C.R. Espinheirense.

IMG_8472 André Batista marca o primeiro da equipa de Envendos
André Batista (99) marca o primeiro golo da equipa da casa

Na primeira parte o resultado terminou com uma bola a zero favorável à equipa do concelho de Mação, que no segundo tempo marcou mais três golos, dois deles devido a Bruno Torres não ter segurado o esférico e o adversário ter-se aproveitado disso mesmo para dilatar o marcador (tal como era sua obrigação), e ainda, através de uma grande penalidade sem margem para dúvidas, que o Alexandre Marques, guarda-redes da equipa dos Envendos não desperdiçou.

IMG_8483 Logo no início do 2º tempo Friezas falha o empate
No reatar da segunda parte, Paulo Friezas (7) desperdiça o empate para o Espinheirense

IMG_8485 2º golo por Paulo Dias
Luís Dias (9) oportuno aproveita momento menos do guardião contrário para ampliar o resultado

IMG_8491 Rodrigo  marca o terceiro o golo
Rodrigo Brisida (96) faz o 3-0 e sela a passagem da equipa de Envendos à Final

IMG_8496 Alexandre marca o 4º e confirma a passagem à final
Alexandre Marques foi chamado a bater a grande penalidade e marcou

Quanto à equipa de arbitragem, gostámos da sua prestação. Esteve à altura das dificuldades, ajuizou com sobriedade os lances mais duvidosos e mostrou autoridade sem autoritarismo. Diga-se que em jogos desta natureza e competição é a melhor postura para evitar algumas confusões, pois em situações similares às que aconteceram em Envendos, expulsões (justificadas) de jogador e posteriormente de treinador do mesmo lado (Espinheirense), tantos problemas acontecem, o que não se verificou nesta partida. Parabéns portanto, à equipa de arbitragem chefiada por Cristóvão Justo e seus assistentes, José Amaro e Sérgio Fontinha, que no final da partida até foram cumprimentados pelos jogadores das duas equipas.

Numa tarde de nuvens negras, valeu também esta nota clara de grande desportivismo.

Ficha do jogo

Campo Engenheiro Abílio Aparício da Mata

Árbitros: Cristovão Justo, José Amaro e Sérgio Fontinha

IMG_8446
Trio de arbitragem (Sérgio Fontinha, Cristovão Justo e José Amaro) com Artur Martinho (capitão do Espinheirense) e Luís Dias (capitão de Envendos)

CSCD Envendos

Alexandre Marques, João Salgado, Fábio Vicente, Filipe Santos, Ruben Xisto, João Carlos, Nuno Martins, Rodrigo Brisida (Tiago Rocha), Luís Dias (Rafael Alves), Ricardo Alves (André Cristovão) e André Batista (Carlos Pires)

Suplentes: Rafael Alves, Carlos Pires, Tiago Rocha, André Cristovão, Ruben Barata

Treinador: Raul Macena

IMG_8449
CSCD Envendos

ACR Espinheirense

Bruno Torres, Artur Martinho (Bruno Almeirão), Duarte Duarte (Miguel Brites), João Lopes, Paulo Friezas, Samuel Duarte, Cristiano Santos, Fábio Rama, João Santos, João Caetano (Roberto Campo) e Pedro Vicente

Suplentes: Álvaro Mota, Miguel Brites, Roberto Campos, Romeu Gomes, Joel Moita, Bruno Almeirão e Eliezer Soares

Treinador: Marco Torres

IMG_8447
ACR Espinheirense

Marcadores: André Batista (24′), Luís Dias (48′), Rodrigo Brisida (69′) e Alexandre Marques (80’+1)

Cartão amarelo: Nuno Martins (65′) ; Samuel Duarte (69′), João Santos (80′)

Cartão vermelho: Samuel Duarte (69′) e Marco Torres (expulso do banco – 72′)

Tem 41 anos e uma profissão que tudo tem que ver com jornalismo e informação... Engenheiro Eletrotécnico. O gosto pela informação desportiva ganhou-o ainda criança com o pai e a mãe na rádio. A informação escrita é uma nova aventura. Acredita que o desporto é fator de promoção e desenvolvimento regional e de aproximação "das gentes", pelo que noticiá-lo é um imperativo. Praticou várias modalidades, foi treinador e árbitro de basquetebol. É casado e tem uma filha que o obriga a correr. Colabora na Antena Desportiva da rádio Antena Livre, sendo a rádio uma das suas maiores paixões.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome