Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Sábado, Maio 8, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Futebol feminino | Ouriense de raça ganha ao Amora e faz a festa da manutenção na Liga BPI

CLUBE ATLÉTICO OURIENSE 1 – AMORA FUTEBOL CLUBE 0

- Publicidade -

Liga BPI – 10ª Jornada – 2ª FASE – MANUTENÇÃO/DESCIDA

Campo Caridade, Ourém – 25/04/2021

- Publicidade -

Tarde de chuva no Campo Caridade em Ourém onde o Atlético recebia o Amora, equipa já com a manutenção assegurada na liga principal do futebol feminino português. A equipa de Ourém dependia somente de si para assegurar também automaticamente essa manutenção, mas para isso necessitava de vencer o Amora que nesta segunda fase contava com 9 jogos disputados, 8 vitórias e 1 derrota, precisamente na jornada anterior diante do Estoril, o perseguidor direto da equipa de Ourém, apenas a um ponto de distância. Já o Ouriense vinha de duas vitórias forasteiras consecutivas diante os históricos Estoril Praia e o Futebol Benfica e selou a manutenção em casa, onde fez a festa.

Ouriense mostrou organização, garra e atitude num jogo muito difícil perante o Amora. Foto: mediotejo.net

A equipa da casa entrou com a máxima força e cedo se percebeu que as jogadoras do Atlético Ouriense acreditavam na vitória. Muita concentração, excelente espírito de equipa e os olhos postos na baliza adversária.

Ana Beja, com uma excelente exibição na primeira parte, aos 12 minutos de jogo criou o primeiro lance de perigo junto da baliza do Amora, mas falhou o remate no último momento.

Jogo intenso em Ourém entre duas boas equipas da Liga BPI. Foto: mediotejo.net

Decorridos 28 minutos de jogo, a capitã Anita, em grande forma física e anímica, fugiu pelo lado direito do seu ataque e cruzou para a entrada da área onde apareceu Jéssica Pacheco a rematar forte levando a bola a passar muito perto do alvo.

O Atlético estava por cima no jogo e com muita concentração não deixava a equipa adversária criar lances de grande perigo junto da sua baliza, embora a equipa do Amora tivesse apostado nas suas melhores atletas para o jogo em Ourém.

Jogo muito disputado numa tarde de chuva.

Aos 40 minutos, livre para a equipa ouriense à entrada da área em que a barreira bloqueia o remate, mas a bola sobra para Anita que atira ao poste da equipa visitante. O intervalo chegaria com um empate em golos e que não garantia a manutenção automática ao Ouriense, num jogo em que só a vitória asseguraria de imediato o objetivo.

Na segunda metade a equipa de João Gonçalves entrou com a mesma atitude e logo aos 8 minutos Anita recebeu a bola no lado direito rematando forte obrigando a defesa apertada Ana Rita, guarda-redes do Amora, cotando-se como a melhor em campo da sua equipa.

Lance de contra ataque do Ouriense

As ourienses continuavam em busca do golo e aos 15 minutos Juliana Domingues ganhou uma segunda bola e atirou à baliza, mas saiu ligeiramente ao lado do alvo.

Aos 23 minutos um grande momento de futebol. Livre direto para a equipa da casa em que Anita chamada a converter obriga Ana Rita a fazer grande defesa.

União e entrega foram armas para a vitória do Ouriense

À meia hora de jogo da segunda parte a guardiã da margem sul voltou a brilhar e a negar o golo a Anita após excelente jogada de Farida, colocando a bola nos pés da sua colega que rematou forte e colocado, com selo de golo. Mas a guarda redes Ana Rita estava lá e mais uma vez voou e negou o golo à equipa ouriense.

Guarda redes do Amora cotou-se com uma excelente exibição

A um minuto do fim do tempo regulamentar dá-se uma explosão de alegria no Campo Caridade. Canto apontado do lado esquerdo por Anita onde aparece Flávia Fartaria a antecipar-se à guardiã do Amora e a cabecear para o fundo da baliza. Estava feito o 1-0 e, a instantes do final da partida, era quase certa a vitória que lhes daria automaticamente a manutenção na Liga BPI.

Golo de Flávia Fartaria chegou ao cair do pano e carimbou a manutenção do Ouriense na Liga BPI

Mas antes do apito final ainda houve momento de apuro para a equipa da casa. O Amora ganhou um canto do lado direito do seu ataque e o cruzamento saiu largo ao segundo poste onde surgiu a avançada forasteira sem marcação mas a cabecear ao lado, num momento impróprio para cardíacos.

Vitória mais que justa do Clube Atlético Ouriense pelo enorme jogo que fizeram dentro do campo, apesar das condições climatéricas e do estado do piso do terreno. Bom trabalho da equipa de arbitragem. Quando soou o apito final, estalou a festa em Ourém, culminando com uma vitória preciosa uma época muito difícil a vários níveis, seja ao nível de lesões, seja ao nível de casos covid-19 no plantel.

A festa do plante do CA Ouriense após o objetivo alcançado

Uma palavra para o treinador João Gonçalves que também soube agarrar na equipa num momento muito delicado, incutir confiança nas atletas, e guindar a equipa ao objetivo da manutenção no escalão maior do futebol feminino e que foi alcançado na última jornada.

FICHA DE JOGO:

CA Ouriense. Foto: mediotejo.net

CLUBE ATLÉTICO OURIENSE:

Barbex, Juliana Domingues, Laura Spenazzatto, Anita Santos, Ana Beja, Flávia Fartaria, Maria Baleia, Sofia Silva, Farida Macia, Jéssica Pacheco e Pretona.

Suplentes: Quezia Proença, Rosa Mino, Ana Ferreira, Catarina Rodrigues, Lara Dias, Laura Sousa e Joana Magalhães.

Treinador: João Gonçalves

AMORA FUTEBOL CLUBE:

Amora FC. Foto: mediotejo.net

Ana Rita, Márcia Duarte, Priscila Sofia, Joana Prazeres, Sofia Nunes, Carolina Duque, Nadine Cordeiro, Andreia Veiga, Sara Brasil, Lili Venegas e Ana Rocha.

Suplentes: Francisca Ferreira, Carlota Filipe, Carla Cardoso, Carolina Ribeiro, Catarina Carlos, Licia Cruz e Cinthia Veiga.

Treinador: Tomás Tegarrinha

GOLOS: Flávia Fartaria.

EQUIPA DE ARBITRAGEM: Telma Frade, Sandrina Santos e José Raimundo.

Equipa de arbitragem

DISCIPLINA: Cartão amarelo: Anita, Priscila Sofia, Pretona, Nadine Cordeiro, Rosa Mino e Andreia Veiga.

No final ouvimos João Gonçalves, técnico do Atlético Ouriense:

Quando soou o apito final a festa não se fez esperar em Ourém:

Fotogaleria:

Natural e residente em Tomar, tem como profissão Distribuidor, mas é com a fotografia que se identifica. É amante desta arte em geral, mas a sua verdadeira paixão é a Natureza e Vida Selvagem e os Retratos. É autor do livro de fotografia “Alma Nabantina” e fundador/administrador dos grupos do Facebook “Amigos da Fotografia de Tomar” e "Fauna de Tomar”. Colabora na área de fotografia na imprensa regional e local e já em 2018 foi júri convidado de dois concursos de fotografia. Neste ano conta também com duas exposições de fotografia coletivas, preparando atualmente a terceira.

- Publicidade -
- Publicidade -

COMENTÁRIOS

Please enter your comment!
O seu nome