Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Quarta-feira, Agosto 4, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

FUTEBOL: Alferrarede – Pernes, golo madrugador obriga a jogo competitivo.

11 de outubro de 2015, 15 horas, Alferrarede

- Publicidade -

Campeonato Distrital da 2ª Divisão da Associação de Futebol de Santarém

Clube Desportivo e Recreativo “Os Dragões” de Alferrarede 2 – Atlético Clube de Pernes 0

- Publicidade -

Crónica do jogo por Jorge Santiago:

Jorge Santiago
Jorge Santiago

 

Num pelado alagado mas com condições para jogar apresentaram-se duas equipas que haviam perdido na 1ª jornada.
Começou melhor a equipa da casa, pois na primeira investida à baliza do Pernes, num passe longo para a entrada da área, surge Santana, de cabeça a fazer um monumental chapéu ao veterano guarda-redes Mário Pinto. Este golo madrugador teve o condão de obrigar a equipa do Pernes a correr atrás do prejuízo.
Neste período inicial, o Pernes poderia ter chegado ao empate, até a equipa dos Dragões começar a encaixar no esquema táctico do adversário e a equilibrar a contenda.
Assistiu-se então a curiosos duelos no meio campo, com as equipas a tentar implementar as suas estratégias, evitando o pontapé para a frente e procurando desiquilíbrios ofensivos.
Aos 37 minutos o técnico Cabé sofre mais um revés, sendo obrigado a tirar Rodrigo Rodrigues lesionado, entrando para o seu lugar o irrequieto França.
Mantinha-se a toada de parada e resposta quando num contra-ataque bem gizado, finalizado com um excelente trabalho individual de Vieira, os Dragões chegam ao 2-0.

IMG_0664
Luis Vieira frente a Mário Pinto. foto Jorge Santiago

Reclamaram os forasteiros, por fora de jogo, não sendo atendidos pelo árbitro, bem colocado, que sancionou o golo.
Estávamos no minuto 45 e pouco depois vinha o apito para o descanso.
As equipas regressaram os balneários com a disposição de continuarem a mostrar um futebol competitivo e combativo. As ocasiões de golo sucediam-se em ambas as balizas com as defesas a suplantarem os ataques. Aos 68 minutos, após defesa apertada de Anselmo, os visitantes reclamam golo, alegadamente por a bola ter transposto a linha fatal, mas Pedro Freire não atende às pretensões dos homens de Pernes.
A nove minutos dos noventa, após falha de Anselmo, a bola cruza toda área verde branca, passando muito perto do poste.
Realce ainda para duas bolas no ferro da baliza dos Dragões uma das quais ao minuto 90+6, ou seja em cima do apito final.
Bom jogo, muito competitivo, com uma entrega enorme de todos os intervenientes, em que o fair-play imperou.
Excelente arbitragem, julgando de forma acertada os lances polémicos. Deixou jogar e foi parcimonioso na amostragem de cartões, apesar de jogadas viris, sem maldade, que num campo difícil levaram a choques sem consequências de maior.

Ficha de Jogo:

Campo CUF

IMG_0508
Campo Cuf em Alferrarede. Foto Jorge Santiago

 

Árbitros: Pedro Freire, Vasco Pinto e Mário Vieira

Clube Desportivo e Recreativo “Os Dragões” de Alferrarede

Anselmo, André Miguel, Fontinha, Pedro Alves, André Marques, Nuno Josué, Mateus, Veiga (Pedro Ramos), Filipe Paulo (Júlio), Santana (Diogo Gomes) e Luís Vieira

Suplentes: Félix, Ferreira, Diogo Gomes, Pinheiro, Condeixa, Júlio e Pedro Ramos,

Treinador: Pedro Varino

Atlético Clube de Pernes

Mário Pinto, Nuno, Cuba, Pedro Gonçalves, Luis Pinto (Moleiro), Pedro Alves, Bruno, Rodrigo Lopes, Rodrigo Rodrigues (França), Frazão e Rúben (Marco)

Suplentes: Leandro, Marco, Moleiro, Telmo, França e Daniel

Treinador: Cabé

Marcadores: Santana e Luís Vieira

IMG_0649
Santana, autor do primeiro golo da partida. foto Jorge Santiago

A opinião do treinador:

Pedro Varino (Dragões de Alferrarede)

Pedro Varino
Pedro Varino

Tem 41 anos e uma profissão que tudo tem que ver com jornalismo e informação... Engenheiro Eletrotécnico. O gosto pela informação desportiva ganhou-o ainda criança com o pai e a mãe na rádio. A informação escrita é uma nova aventura. Acredita que o desporto é fator de promoção e desenvolvimento regional e de aproximação "das gentes", pelo que noticiá-lo é um imperativo. Praticou várias modalidades, foi treinador e árbitro de basquetebol. É casado e tem uma filha que o obriga a correr. Colabora na Antena Desportiva da rádio Antena Livre, sendo a rádio uma das suas maiores paixões.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome