Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Segunda-feira, Julho 26, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Futebol (2ª Distrital): Pego desfalcado perde perante Samora Correia forte (com áudio)

8 de maio de 2016, 16 horas, Samora Correia

- Publicidade -

Campeonato Distrital da 2ª Divisão de Seniores – Apuramento de Campeão

Grupo Desportivo Samora Correia 3 – Casa do Povo do Pego 1

- Publicidade -

Crónica por João Sampaio

João Sampaio
João Sampaio

Jogo aguardado com alguma expetativa atendendo à situação atual de ambos os conjuntos. Se o samorenses vinham de resultados menos conseguidos e tinham saído dos três primeiros lugares, os pegachos vinham de um empate fora e defendiam a segunda posição, embora se apresentassem em Samora Correia algo desfalcados.

Começa melhor a equipa do concelho de Abrantes, que logo ao segundo minuto se adianta no marcador. Jogada rápida do ataque pegacho e João Lopes na cara do guardião Sérgio, faz o que um ponta-de-lança gosta de fazer…golo.

A equipa da casa reage bem, não acusa o golo sofrido e parte em busca do empate. Por algumas vezes fica perto de o conseguir, mas encontrou pela frente um Norberto, que mais uma vez mostrou que é uma mais valia neste campeonato, adiando o golo da casa com boas intervenções. O Pego ia sentindo algumas dificuldades na zona central do meio campo, apenas pode contar com João Bioucas e Tiago Marchante, tendo as ausências registadas, obrigado Nando Costa a  efetuar algumas adaptações o que influenciou a habitual manobra pegacha.

Os ataques da casa iam-se sucedendo e ao minuto 22 surge o empate, com Praia a ser o autor do golo. Apenas oito minutos passados e os alvi-negros chegam à vantagem por Dilan.

Como meia-hora de jogo e a perder o Pego tenta equilibrar, mas os homens da casa estavam muito fortes e aos 37 minutos chegam ao 3-1 por Nuno Correia. Por esta altura, pelo que se via no relvado, ficava a ideia que o vencedor da partida estava encontrado, ficando apenas por saber qual o resultado final. Nando Costa ia mudando pedras de posição, pois era a única coisa que podia fazer, mas quando tapava de um lado, destapava do outro.

Chega o intervalo com um claro e justo 3-1 no marcador.

A etapa complementar foi diferente dos primeiros 45 minutos. Jogo muito aos repelões, com muitas paragens e um futebol algo incaracterístico de ambas as partes, o que só beneficiava quem vencia confortavelmente. O tempo ia avançado com algumas situações de perigo, tendo mesmo a equipa do Pego perdido flagrante oportunidade para reduzir, mas o atacante pegacho não conseguiu enganar o guardião da casa.

Vitória certa da equipa de Samora Correia que a coloca na segunda posição, enquanto o Pego com esta derrota desce para a terceira posição.

O trio de arbitragem não teve influência no resultado final. Teve um critério largo, talvez largo em demasia, deixando jogar, mas um pouco brando no critério disciplinar.

Ficha do jogo

Campo da Murteira

Árbitros: Filipe Lascas, Pedro Gorjão e Fábio Lima

GD Samora Correia

Sérgio, Praia, Martim (Fábio Alves), Cacheta, Franklim,  Ivan, Nuno Correia (Caveira), Dilan, Ricardo Marta, Bexiga e César (Rafael Milheiro)

Suplentes: João Lemos, Fábio Alves, Caveira, Ricardo Esteves, Rafael Milheiro e Bruno

Treinador: Paulo Eira

CP Pego

Norberto, João Ruivo, Zé Tomé, Pedro Almeida, Igor, João Bioucas, Tiago Marchante, António Sanches, Di Maria, Fábio Santos e João Lopes

Suplentes: Caio e Nuno Felício

Treinador: Nando Costa

Marcadores: Praia (22′), Dilan (30′) e Nuno Correira (37′) ; João Lopes (2′)

A opinião dos treinadores:

Paulo Eira (Samora Correia)

Paulo Eira - Treinador Principal
Paulo Eira

Nando Costa (Pego)

Nando Costa (3)
Nando Costa

Tem 41 anos e uma profissão que tudo tem que ver com jornalismo e informação... Engenheiro Eletrotécnico. O gosto pela informação desportiva ganhou-o ainda criança com o pai e a mãe na rádio. A informação escrita é uma nova aventura. Acredita que o desporto é fator de promoção e desenvolvimento regional e de aproximação "das gentes", pelo que noticiá-lo é um imperativo. Praticou várias modalidades, foi treinador e árbitro de basquetebol. É casado e tem uma filha que o obriga a correr. Colabora na Antena Desportiva da rádio Antena Livre, sendo a rádio uma das suas maiores paixões.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here