Futebol (1ª Distrital): Amiense – Cartaxo, venceu quem soube ser eficaz

Amiais de Baixo, 11 de Setembro de 2016, 17 horas

PUB

Campeonato Distrital da 1ª Divisão de Seniores da A.F.S.

1ª Jornada

PUB

Clube Desportivo Amiense 1 – Sport Lisboa e Cartaxo 0

Crónica de Constantino Alves

PUB

A primeira parte foi algo atípica e a roçar o fraco, um futebol mal jogado, muito tempo com a bola fora das quatros linhas, muitos lançamentos laterais e alguma demora na reposição da bola em jogo, quase parecendo que as duas equipas queriam ver o ao que vinha o seu adversário.

O Amiense num esquema tático algo diferente do que é habitual, um 3-4-3 que demonstrou ser pouco produtivo. O único lance de perigo, digno desse nome, para os amienses, foi ao minuto 16 em que Nuno Tiago, bem desmarcado por Vindima, remata forte para defesa apertada de Ricardo Dinis. Do lado cartaxense também pouco se viu, uma equipa ainda longe do que tem habituado nas últimas edições do Campeonato Distrital.

Ao intervalo registava-se um empate a zero perfeitamente justificado.

O segundo tempo começa com o golo que definiu o resultado final. Ainda não eram decorridos sessenta segundos e já Cristiano introduzia a bola na baliza forasteira. Ataque pelo lado esquerdo do ataque da casa e de pé esquerdo, o ex-júnior do Alcanenense, faz um golo vistoso.

14302444_1300824829952229_604358173_n
Cristiano, na sua estreia com sénior, marcou o golo que valeu três pontos ao CD Amiense.

A partir daqui o Amiense foi controlando os ritmos e o jogo, aproveitando alguma apatia do adversário que teimava em não conseguir criar perigo. Ainda chegou a jogar alguns períodos no meio-campo do Amiense, mas o treinador da equipa da casa, Rui Gaivoto, ao alterar o esquema tático para 4-5-1, apenas com Vindima na frente, passa a jogar mais em transições rápidas e concede algum espaço ao Cartaxo na zona de inicio de construção de jogo, mas retirava-o a meio do seu meio-campo.

Numa altura em que o Cartaxo procurava o empate, mais com o coração que com a cabeça, acabou por ser mesmo a equipa de Amiais a desperdiçar a hipótese de “matar” o jogo. Pedro Lourenço trabalha bem no meio campo, desmarca Vindima que ganha a linha de fundo, mesmo com Ricardo Dinis junto de si consegue cruzar, mas em frente da baliza Francisco atira por cima. Depois, num livre, Miguel Mateus bate a bola ao ângulo da baliza do Cartaxo, mas Ricardo Dinis faz uma defesa vistosa. No quarto minuto adicional, dos seis dados por Rui Cabeleira, Ricardo Dinis acaba por ser expulso. O Cartaxo estava todo instalado no meio-campo do Amiense, um defensor alivia para o meio-campo adversário, Vindima corre para a área cartaxense e Ricardo Dinis acaba por derrubá-lo.

Vitória da equipa que mais fez para ganhar. Certo que ainda estamos no inicio dos jogos a valer, mas as equipas têm potencial e a “obrigação” de mostrar mais que aquilo que se viu no Campo da Azenha.

O trio de arbitragem não teve influência no resultado e conduziu bem o jogo a nível disciplinar. No aspecto técnico e na missão de manter o jogo com alguma fluidez é que nos pareceu que também está em inicio de época, pois já vimos fazer melhor.

Ficha do jogo

Campo da Azenha

Árbitro: Rui Cabeleira

Árbitros Assistentes: Duarte Escudeiro e Hugo Silva

CD Amiense

Chico, Luís Duarte, Tiago Mateus, Pedro Lista, Rodrigo Neves, Carapito, Miguel Mateus, Nuno Tiago (Hugo Pereira), Cristiano (Francisco), João Alves (Pedro Lourenço) e Pedro Vindima

Suplentes: Castelão, Fojo, Frazão, Hugo Pereira, Pedro Lourenço, Ricardo Pedro e Francisco

Treinador: Rui Gaivoto

SL Cartaxo

Ricardo Dinis, Bernardo, Morgadinho, Nuno Afonso, Chevi (João Soares), Diogo Nogueira, Gonçalo Benavente, Tiago Coutinho, Daniel Capitão, Diogo Martins (Kiko) e João Figueiredo (Samuel Clemente)

Suplentes: Carlos Pedro, Kiko, Tiago Pereira, Ricardo Godinho, Samuel Clemente, João Antunes e João Soares

Treinador: Bruno Brito e Nuno Casimiro

Cartão amarelo: João Figueiredo (34′) e Daniel Capitão (90’+1)

Cartão vermelho: Ricardo Dinis (90’+4)

Marcador: Cristiano (46′)

A opinião dos treinadores:

Rui Gaivoto (Amiense)

Bruno Brito (Cartaxo)

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here