- Publicidade -

Quarta-feira, Janeiro 19, 2022
- Publicidade -

Ferreira do Zêzere | Trail do Zêzere, a prova dos duros num cenário idílico (c/fotos e video)

A 5ª Edição do Trail do Zêzere, prova desportiva considerada das melhores do país, juntou cerca de um milhar de participantes no passado sábado em Ferreira do Zêzere.

- Publicidade -

Este é um evento de grande escala nacional e já internacional, que conta não só com atletas nacionais como com atletas de Espanha, França, Inglaterra, entre outros países por toda a europa e pelo mundo.

Melhor-feminina-dos-K70.

Uma prova que decorreu no passado sábado com quatro escalões diferentes, sendo eles, K15 (caminhada), e as corridas de prova com K20 (20km), K38(38km, esta prova a contar para o campeonato nacional e taça de Portugal) e K70, esta a ser a prova mais longa de todas onde os participantes inscritos teriam de cumprir 70km.

- Publicidade -

Num dia que começou algo fresco na vila de Ferreira do Zêzere, mas que a meio da manhã já contava com um sol radioso, os participantes saíram pelas 7 horas para as suas provas.

Ao longo de todo o percurso foram vários os obstáculos que os concorrentes iam encontrado, pois tratava-se de um terreno com alguma dificuldade e muita exigência, característico desta prova e tão do agrado dee todos os concorrentes.

- Publicidade -

Na categoria de K15 não houve vencedores, pois era uma prova mais direcionada para aqueles que gostavam de participar, neste caso, a caminhar, e sem carácter competitivo.

vencedor dos K38

Na categoria de K20 o vencedor foi João Fernandes, da Zona Alta Trail, com o tempo de 01:53:42. Em segundo ficou Rui Leandro também da Zona Alta Trail, e no terceiro lugar do pódio a ficar Fábio Mendes, da Dá-lhe Gás Team. A atleta mais bem classificada foi Irina Coelho, da Vertical Navis, com o tempo de 02:15:41.

Na categoria K38, prova já a contar para o Campeonato Nacional e Taça de Portugal de Trail, o vencedor, com o tempo final de 03:21:03, foi Filipe Rosa, do clube ADR Águas Belas. Em segundo terminou Pedro Ribeiro, da Caracol Trail Team, e o último no pódio foi Fernando Gomes, do Clube de Atletismo de Ferreira do Zêzere. A mulher mais bem classificada foi Anabela Rainho, que participou como individual, com o tempo de 04:39:44.

Já na categoria maior e de mais dificuldade, nos K70, a sair vencedor Nuno Dias, do Cá Barreira, com o tempo de 07:53:38. Em segundo, Luís Mota, da Casa do Benfica em Abrantes, e no último lugar do pódio, André Cunha, que participou individualmente. Nas senhoras, a melhor foi Alice Lopes, da Ginásio Fit4Fun, com o tempo 09:19:38 ficando no 4º lugar.

Fernando Gomes, terceiro classificado da categoria K38, disse que “a organização está de parabéns pela prova. Ferreira tem tudo para receber este tipo de provas e de campeonatos nacionais.”. Destacou ainda o facto de “estar tudo queimado, e não é fácil para mim, pois fui bombeiro 10 anos e cada vez que toda a sirene….”, acrescentou o participante, algo emocionado.

Já Luis Graça, da organização, disse à nossa reportagem que “a prova correu bem, temos sempre alguns contratempos pois embora exista a nossa sinalização no percurso, alguns atletas com o entusiasmo e adrenalina não conseguem ver os mesmos. Ainda assim tivemos boa adesão por parte de atletas nacionais e internacionais.”.

Luís Graça disse ainda que para o ano de 2018 vai acontecer pela primeira vez em Ferreira do Zêzere o Ultra Trail, que será o campeonato nacional mas apenas numa prova, ao contrário deste ano que foram cerca de 40, e que será “um orgulho” receber a mesma.

O atleta falou ainda do seu regresso a provas de Trail Run, nomeadamente, como o próprio disse, depois de ter cometido a “loucura” de se voltar a inscrever nos 115km do Trail da Madeira e onde este ano o atleta obteve uma boa classificação.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome