- Publicidade -

Ferreira do Zêzere: Feira do Livro começou esta terça-feira

Os amantes de literatura de Ferreira do Zêzere (e não só) têm um motivo extra para visitarem a Biblioteca Municipal Dr. António Baião. A zona envolvente recebe a partir desta terça-feira, dia 7, a Feira do Livro e até 18 de junho é possível conhecer novidades editoriais, acompanhar os mais novos em horas do conto e conseguir um autógrafo do escritor Pedro Chagas Freitas.

- Publicidade -

A oitava edição da Feira do Livro decorre entre as 10h00 e as 18h00 e dedica quatro dos 12 dias às crianças. As horas do conto infantil são feitas em torno das obras “Perfeito para Dois”, “A Pequena Coruja Branca”, “Grande e Pequeno” e “Outra vez!”, a 8 e 9 de junho. Mais tarde, os alunos do pré-escolar ficam a conhecer o livro sem letras baseado na fábula de Esopo “O rato do campo e o rato da cidade” apresentado pela autora, Celeste Pêgas, a 14 e 15.

Os adultos, por sua vez, podem usufruir de descontos até ao último dia da feira, 18 de junho, data em que o escritor Pedro Chagas Freitas estará presente para falar sobre o seu livro mais recente, “Prometo Perder”, apresentado ao público pela primeira vez nessa semana. O momento inclui sessão de autógrafos.

- Publicidade -

Nasceu em Vila Nova da Barquinha, fez os primeiros trabalhos jornalísticos antes de poder votar e nunca perdeu o gosto de escrever sobre a atualidade. Regressou ao Médio Tejo após uma década de vida em Lisboa. Gosta de ler, de conversas estimulantes (daquelas que duram noite dentro), de saborear paisagens e silêncios e do sorriso da filha quando acorda. Não gosta de palavras ocas, saltos altos e atestados de burrice.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).