Ferreira do Zêzere | Câmara aprova apoios ao associativismo, natalidade e contratação

Executivo camarário de Ferreira do Zêzere: Bruno Gomes, Paulo Neves, Jacinto Lopes (Presidente) Hélio Antunes e Orlando Patrício Foto: mediotejo.net

Os eleitos do PSD na Câmara de Ferreira do Zêzere apresentaram, na reunião do dia 24, três propostas que foram aprovadas por unanimidade e que têm a ver com um aumento significativo de apoio ao associativismo, incentivos financeiros à natalidade e apoio às empresas na contratação de jovens ferreirenses.

PUB

O presidente da Câmara Jacinto Lopes e os vereadores Paulo Neves e Hélio Antunes propuseram a atribuição de um subsídio anual no valor de dois meses do vencimento base do funcionário, durante os três primeiros anos de vinculo laboral às empresas, com sede em Ferreira do Zêzere, que contratem jovens ferreirenses em situação de primeiro emprego.

Com esta “importante medida”, “pretende-se criar um estímulo a nível de emprego local, permitindo criar oportunidade para os jovens ferreirenses acederem ao mercado de trabalho e encontrarem com maior facilidade oportunidades laborais no concelho”, refere o PSD na sua proposta, para a qual vão ser criadas as respetivas normas enquadradoras.

PUB

Sobre o tema natalidade, a proposta consiste numa medida de apoio às famílias do concelho de Ferreira do Zêzere, no valor de subsídio mensal no valor de 100 euros por cada filho nascido a partir de 1 de janeiro de 2020, desde que seja pelo menos o terceiro filho, subsídio que será atribuído até a criança perfazer os três anos.

Segundo os proponentes, esta medida “tem por objetivo melhorar a taxa de natalidade no concelho de Ferreira do Zêzere, apoiando as famílias que têm o seu orçamento familiar mais sobrecarregado devido ao número de filhos, permitindo e incentivando que o planeamento familiar possa passar pelo aumento de número de crianças”.

PUB

Um reforço de 25% do valor a transferir para o apoio ao associativismo no orçamento municipal 2020 é a última proposta do PSD, igualmente aprovada por unanimidade.

Para as Filarmónicas a dotação orçamental em 2020 sobe para 20 mil euros. As escolas de música vêm reforçado o seu apoio com um valor final de 4 mil euros para as restantes associações.

Os eleitos do PSD defendem que esta medida “vai permitir aumentar o valor de apoio às coletividades com atividades culturais e desportivas no concelho de Ferreira do Zêzere. No que diz respeito às Bandas Filarmónicas, tendo em conta o seu carácter centenário e variedade de oferta de ensino musical, é também proposta a criação de rúbrica própria para esse fim, de forma a tornar mais justa a análise das candidaturas ao associativismo nesta área específica”.

 

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here