Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sábado, Julho 24, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Fátima: Freguesia entra em obras até maio de 2017

Não há novidades quanto a obras governamentais nos acessos principais de Fátima, por onde chegam as peregrinações, mas a restante freguesia vai entrar em período de requalificações, alargamentos e restauros até às portas de maio do próximo ano. Para marcar o Centenário das Aparições de 1917, a junta de freguesia de Fátima vai ainda lançar um novo logótipo, mais comercial. Informações apresentadas à assembleia de freguesia num extenso discurso proferido pelo presidente, Humberto Silva.

- Publicidade -

A freguesia foi alvo de uma visita recente pelo município de Ourém e foi dado o aval para um conjunto de obras que Humberto Silva quer ver concluídas até maio, antes de dias 12 e 13. Desde ampliação de parques infantis, requalificação de várias ruas (rua da Cooperativa, rua da Igreja ou estrada da Fazarga estão na listagem) e limpezas variadas em zonas de matagal (na Avenida João XXIII, Estrada de Minde, Estrada da Loureira ou Estrada da Batalha). Pretende-se ainda avançar com o percurso pedonal para a Ortiga e  colocar placas identificativas das Ruas Jacinta Marto, Francisco Marto e a recente renomeada Avenida Lúcia dos Santos (estrada da rotunda sul à Igreja Matriz).

Requalificações a várias estradas e limpezas de terrenos avançam em 2017, com vista ao 13 de Maio. FOTO: mediotejo.net
Requalificações a várias estradas e limpezas de terrenos avançam em 2017, com vista ao 13 de Maio. FOTO: mediotejo.net

- Publicidade -

Durante a assembleia de freguesia foi ainda apresentado o novo logótipo da freguesia de Fátima que, a par do brasão, pretende ser um símbolo utilizado para fins mais comerciais. De contornos simples, utilizou os elementos do sol, da azinheira, os três pastores e as cores branco e azul na sua concepção. “É mais moderno”, explicou Humberto Silva, um símbolo que pretende representar uma entidade civil, que é a junta de freguesia.

O logótipo porém não reuniu consenso, com vários vogais a considerarem que não é representativa do Fátima e passa despercebido. “Penso que merecia uma reflexão mais aprofundada”, acabaria por concluir o presidente da mesa da assembleia, Eugénio Lucas.

Foram deixadas várias sugestões, entre elas de se colocarem três logótipos diferentes à votação da população de Fátima. Nenhuma decisão foi, no entanto, tomada, optando-se por analisar melhor a atual proposta.

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here