Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Quinta-feira, Outubro 21, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Fátima | Cardeal de Cabo Verde preside a peregrinação dos migrantes

A peregrinação internacional aniversária de 12 e 13 de agosto vai ser presidida pelo cardeal D. Arlindo Gomes Furtado, bispo de Santiago de Cabo Verde. Insere-se nesta data também a Peregrinação do Migrante e do Refugiado, que marca o arranque da Semana Nacional das Migrações, e que congrega, na Cova da Iria, migrantes de várias partes do mundo.

- Publicidade -

A peregrinação arranca com a saudação a Nossa Senhora, na Capelinha das Aparições, pelas 18h30 do dia 12 de agosto. Às 21h30, no mesmo espaço, decorre a recitação do Rosário, seguida da procissão das velas, às 22h15. Segue-se a Missa da Vigília, às 22h30, no Recinto de Oração.

O dia 13 começa com a recitação do Rosário, na Capelinha das Aparições, às 09h00. Às 10h00 realiza-se a Missa da Peregrinação Internacional Aniversária, que terá transmissão televisiva, em direto, na RTP1.

- Publicidade -

Segundo informação do Santuário de Fátima estão inscritos até ao momento cerca de 1.200 peregrinos, organizados em 16 grupos, provenientes de Portugal, Espanha, Itália, França, Polónia, Alemanha, Irlanda, Bélgica, Áustria, Iraque e Guiné-Conacri.

A quarta Aparição de Nossa Senhora aos Pastorinhos, assinalada nesta Peregrinação, ocorreu a 19 de Agosto de 1917, no sítio dos Valinhos, a cerca de 500 de Aljustrel, porque, no dia no dia 13 os videntes tinham sido levados, pelo administrador do concelho, para Vila Nova de Ourém, onde foram submetidos a interrogatório. 

O presidente da Peregrinação, cardeal Arlindo Gomes Furtado, bispo da diocese de Santiago desde 2009, nasceu a 4 de Outubro de 1949, em Figueira das Naus, na ilha do Santiago, em Cabo Verde. Veio para Portugal, em 1971, para completar os estudos no Seminário Maior de Coimbra e o curso de Teologia, no Instituto Superior de Estudos Teológicos, período após o qual regressou ao país natal, tendo sido ordenado sacerdote em 1976, e bispo em 2004.

Depois de exercer funções como reitor do Seminário Menor de São José, em Santiago, Cabo Verde, entre 1978 a 1986 retomou os estudos nesse mesmo ano, em Roma, licenciando-se em Ciências Bíblicas pelo Instituto Bíblico de Roma. Em 2015 recebeu as insígnias cardinalícias do Papa Francisco, tornando-se no primeiro cardeal de Cabo Verde.

A 46.ª Semana de Migrações tem como tema: “Cada forasteiro é ocasião de encontro, Migrantes e Refugiados no caminho para Cristo” e decorre entre 12 e 19 de agosto.

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome