Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Terça-feira, Agosto 3, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

ESPECIAL FÁTIMA | Canonização dos Pastorinhos pelas 10 horas de dia 13

A cerimónia de canonização dos pastorinhos Francisco e Jacinta Marto vai decorrer no início da missa das 10 horas de 13 de maio no Santuário de Fátima, informa a instituição. O ritual, presidido pelo Papa Francisco, decorre logo após o cântico de entrada e a saudação inicial, proferida pelo próprio.

O Santuário de Fátima divulga ainda outros pormenores da cerimónia. Os relicários em forma de candeias contendo as relíquias dos dois novos santos da Igreja Católica, uma madeixa de cabelo de Jacinta e um fragmento de osso da costela de Francisco, integram a procissão de entrada da Missa, sendo colocados no altar, junto da imagem de Nossa Senhora de Fátima. O transporte das relíquias é feito pela Irmã Ângela Coelho, Postuladora da Causa da Canonização de Francisco e Jacinta, e por Pedro Valinho, assessor da Postulação e atual director do Serviço de Peregrinos do Santuário.

Depois da saudação inicial do Papa, o coro entoa o cântico Veni Creator Spiritus, assinalando o começo da cerimónia de canonização.

O Bispo de Leiria-Fátima, D. António Marto, pede ao Papa que inscreva Francisco e Jacinta no Álbum dos Santos e faz uma breve apresentação da biografia dos dois novos santos.
O Papa convida então os fiéis a cantar a ladainha dos santos. No final, pronuncia, em português, a fórmula da canonização.

No final, os presentes aclamam a proclamação com um cântico de júbilo, durante o qual um diácono vai incensar as duas relíquias. Acompanhado pela Postuladora da Causa da Canonização de Francisco e Jacinta, D. António Marto agradece a proclamação e pede ao Papa que redija a Carta Apostólica relativa à canonização dos dois Pastorinhos. O coro entoa o Glória, assinalando o fim da cerimónia da Canonização e a continuação da Eucaristia.

No termo da missa, as duas relíquias deixam o altar com o andor da imagem de Nossa Senhora de Fátima e seguem em cortejo até à Capelinha das Aparições, onde vão ficar expostas até ao final do dia 13 de maio. Regressam depois à Casa das Candeias, onde se encontram habitualmente, uma vez que as relíquias mais importantes de Francisco e Jacinta, os seus corpos, estão à guarda do Santuário, nos túmulos colocados nos dois lados do transepto da Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima.

A decisão do Papa Francisco de canonizar os dois Pastorinhos a 13 de maio não altera o programa definido para a Peregrinação do Papa a Fátima, apenas fazendo atrasar os restantes pontos da visita, nomeadamente o almoço do Santo Padre com os bispos portugueses, na Casa de Nossa Senhora do Carmo, termina a instituição.

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome