Especial Chamusca | Retrato do concelho

Chamusca | Foto: chamuscagostardelapropria.wordpress.com

A Feira da Ascensão é um dos cartões de visita da Chamusca. Por ocasião de mais uma edição desta festa ribatejana, o mediotejo.net dá a conhecer um pouco da história do concelho e das suas freguesias.

O concelho da Chamusca é limitado a norte pelo município de Vila Nova da Barquinha, a leste por Constância e por Abrantes, a sueste por Ponte de Sor, a sul por Coruche, a oeste por Almeirim, Alpiarça e Santarém e a noroeste pela Golegã. Está integrado desde 2003 na região estatística (NUTS II) do Alentejo e na sub-região estatística (NUTS III) da Lezíria do Tejo. Pertencia à província tradicional do Ribatejo, designação ainda constante nos discursos institucional e popular.

A Chamusca estava inicialmente integrada no termo de Santarém. Foi doada em 1449 por D. Afonso V a D. Ruy Gomes da Silva. Em fevereiro de 1561, na regência de D. Catarina, avó de D. Sebastião, é elevada à categoria de vila, juntamente com Ulme, pelos serviços prestados por seu pai, Francisco da Silva. O leão rampante de púrpura e armado de azul, do brasão de família, da “Casa dos Silvas” ainda hoje consta no brasão da Vila da Chamusca.

Passou a integrar a Casa das Rainhas por disposição régia de 9 de fevereiro de 1643 e nela permaneceu até à sua extinção por decreto em agosto de 1833. Enquanto fez parte da Casa das Rainhas pertenceu à comarca de Alenquer, em 1839 pertencia à comarca de Santarém e em 1878 aparece na da Golegã.

O concelho terá sido criado a 6 de junho de 1841, constituído apenas pela freguesia de Chamusca e a de Pinheiro Grande, desanexada do termo de Santarém. Em 24 de outubro de 1855 é-lhe anexado o concelho de Ulme, extinto nessa data, ficando o concelho constituído pelas freguesias de Chamusca, Chouto, Pinheiro Grande, Ulme e Vale de Cavalos. Em 4 de outubro de 1985 foram criadas as freguesias de Carregueira, desanexada da de Pinheiro Grande e a de Parreira, desanexada da de Vale de Cavalos.

A partir de 28 de janeiro de 2013, com a reorganização administrativa do território das freguesias, o número de freguesias passou de sete a cinco com a junção das freguesias de Parreira e Chouto e as de Chamusca e Pinheiro Grande.

Ermida de Nª Srª do Pranto | Foto: Paulo Gonçalves / viajaredescobrir.blogspot.pt

Retrato do concelho

Freguesias: Chamusca e Pinheiro Grande, Vale de Cavalos, Ulme, Parreira e Chouto, Carregueira.
Área:
 746,01 Km²
População: 10.120 habitantes

Brasão

Ordenação heráldica: 10 de maio de 1934
Descrição: Escudo de prata, com um leão rampante de púrpura, armado de azul. Bordadura de negro carregada de quatro cachos de uvas de ouro, folhados e troncados do mesmo, alternados com quatro romãs de ouro abertas de vermelho. Coroa mural de quatro torres de prata. Listel branco com a legenda de negro: “VILA DA CHAMUSCA”.

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here