- Publicidade -

Especial Abrantes | Martinchel

No dia 14 de junho Abrantes comemora o 102º aniversário de elevação a Cidade.

Reza a lenda que um jovem mouro abandonou a casa dos seus pais e partiu com as tropas de D. Afonso Henriques. Como forma de compensação pela sua bravura e fé na conquista de Santarém, a região recebeu o seu nome, Martim-Chel. Há outra teoria que defende a origem do nome Martinchel deriva do orago São Martinho ou, ainda, do nome de algum colono com o nome Martim ou Martinho.

Maria Teresinha Garcia Barreiro, de 64 anos de idade, exerce o cargo de presidente da junta de freguesia desde 2013 em representação do PS. Qual o primeiro espaço ou local da sua freguesia que escolheria para mostrar a um turista?
O eleito seria o prédio onde hoje está instalada a junta de freguesia. Foi requalificada uma casa antiga com a traça da arquitetura tradicional da zona.

Como é viver na sua freguesia?
É viver sem stress, longe e perto de tudo, com bons acessos e qualidade de vida.

Que pontos destaca em termos de serviços e qualidade de vida, para alguém que hoje queira mudar de Lisboa e viver no interior do país?
Serviços não temos muitos, mas temos uma zona privilegiada em termos de paisagem natural, com o espelho de água da Albufeira do Castelo de Bode. Temos as paisagens do Zêzere, um património cultural muito rico, bons acessos e sobretudo uma vida calma.

Como descreve a sua freguesia? Que investimento sugeriria a um eventual empresário que pretenda investir na sua freguesia?
Martinchel é uma freguesia rural, bem estruturada, limpa, onde qualquer problema que surja é resolvido. Como investimento, sugiro as áreas do turismo, habitação, restauração e lazer.

Quais os pontos fortes que destaca na freguesia e que debilidades gostaria de resolver?
Como pontos fortes, saliento a situação geográfica, os acessos e a bonita paisagem. Gostaria de atrair mais pessoas para que se fixassem de forma a repovoar a zona.

Como é desempenhar o cargo de presidente de junta? O que a motiva a trabalhar em proximidade?
É um cargo desafiante, necessita de muita diplomacia para lidar com todo o tipo de público, mas é gratificante, principalmente, resolver os problemas das pessoas no imediato.

Abrantes celebra as suas festas anuais de 13 a 17 de junho. O que destaca deste momento festivo?
É um momento de mais vida na cidade, de encontro de pessoas, de desenvolvimento local. Quem visita a cidade conhece um pouco da nossa terra.

***

Retrato da Freguesia

Localidades: Martinchel, Alagôa, Almoinha Velha, Arneirinho, Casal do Rei, Casal da Figueira, Casal da Serra, Giesteira, Mouchões, Outeiro e Vilelas.
Área: 17,1 Km2
População: 623 habitantes

Ordenação heráldica do brasão: 18 de novembro de 2002

Descrição do brasão: Escudo de ouro, dois ramos de oliveira de verde, frutados de negro, com os pés passados em aspa, entre uma roda de azenha de vermelho, em chefe e um barco do mesmo, vogando em campanha diminuta ondada de azul e prata de três tiras. Coroa mural de prata de três torres. Listel branco, com a legenda a negro: “MARTINCHEL”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- Publicidade -