- Publicidade -

Espaço Cidadão em Constância é contributo para fixação da população – Autarca

O Espaço Cidadão abre hoje em Constância (Santarém) representando um “contributo para a fixação populacional” e um “inverter de ciclo”, já que era o único município do Médio Tejo sem esta oferta, disse o presidente da câmara.

- Publicidade -

“Os concelhos de interior têm estado arredados de alguns serviços e este é um inverter de ciclo em Constância sendo que, até hoje, éramos o único município das 13 autarquias do Médio Tejo sem qualquer espaço público deste género e a sua falta obrigava as pessoas a saírem do concelho para resolverem os seus problemas”, disse à Lusa o presidente da Câmara Municipal de Constância, Sérgio Oliveira (PS).

O novo serviço vai funcionar a partir de hoje no edifício onde está instalado o Posto de Turismo, no centro histórico da vila, na Avenida das Forças Armadas, e passa a dispor de um ponto de atendimento que reúne serviços de diferentes entidades num único balcão.

- Publicidade -

Segundo destacou o autarca, no Espaço Cidadão é possível ter acesso a “inúmeros serviços da administração central, local e de entidades privadas que prestam serviços de claro interesse público”, tendo destacado os serviços relacionados com a Segurança Social, Carta de Condução, o solicitar nova senha ou uma caderneta predial junto da Autoridade Tributária, apresentar despesas junto da ADSE, tratar de assuntos relativos a emprego e formação profissional, alterar a morada do Cartão de Cidadão, solicitar o Cartão Europeu de Seguro de Doença ou realizar os serviços e-fatura, entre outros.

“Este é um momento importante para este município porque a partir de hoje Constância deixa de estar isolada no acesso a este serviço de atendimento ao público”, notou, num equipamento que “permitirá criar sinergia entre a Administração Central e Local, no sentido da prossecução de políticas concertadas em prol do interesse público, dos residentes e do desenvolvimento do concelho”.

Além disso, acrescentou, “permitirá servir melhor o cidadão, de forma mais rápida e próxima, promovendo a literacia digital, por via do apoio assistido, na prestação dos serviços públicos digitais”.

O investimento efetuado, segundo Sérgio Oliveira, foi “residual”, tendo a autarquia aproveitado a oportunidade para “repensar” e “reinstalar” outros serviços ligados ao turismo no centro histórico da vila.

“Os turistas ficam muito pela zona ribeirinha e poucos entram no centro histórico da vila, pelo que decidimos transferir, com a inauguração do Espaço Cidadão no Posto de Turismo, junto aos rios, os serviços de turismo para a antiga cadeia, que fica na Praça Alexandre Herculano, dentro da zona histórica, para que conheçam o interior da vila e o nosso comércio, restauração e artesanato”, notou.

Agência de Notícias de Portugal

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- Publicidade -