Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Domingo, Agosto 1, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Entroncamento: Prova de atletismo mais emblemática do concelho regressa dia 19

A edição de 2016 da prova de atletismo mais emblemática do concelho foi apresentada publicamente nas instalações do museu que lhe dá nome. O XXII Grande Prémio do Museu Nacional Ferroviário é apadrinhado pelo atleta Paulo Guerra e realiza-se no dia 19 de junho em simultâneo com a III Caminhada José Canelo.

- Publicidade -

O museu dedicado à história da ferrovia foi o local escolhido para a apresentação da vigésima segunda edição do Grande Prémio do Museu Nacional Ferroviário que este ano integra as Festas do Concelho e decorrerá na manhã do dia 19 de junho (10h00). A prova, com uma distância de 10 quilómetros, volta a ter o museu integrado no percurso e decorre em simultâneo com a III Caminhada José Canelo, de aproximadamente sete quilómetros.

Paulo Guerra, atleta português distinguido pelo Comité Olímpico de Portugal em 1999 com a Medalha Nobre Guedes é o padrinho da prova e, em declarações ao mediotejo.net, disse que o convite veio reforçar o elo e o gosto que mantém em relação a esta modalidade desportiva apesar de ter deixado a alta competição. O especialista em corta-mato revelou ter “expetativas altíssimas” por se tratar de uma prova “que associa a História ao atletismo, à marcha e à corrida”. Na sua opinião, estes “ingredientes” fazem “com que as pessoas tenham dupla vontade de participar”.

- Publicidade -

O atleta Paulo Guerra é o padrinho da prova (foto: mediotejo.net)
O atleta Paulo Guerra é o padrinho da prova de atletismo (foto: mediotejo.net)

Ao seu lado estiveram o diretor da prova, Mário Abegão, e as entidades envolvidas na iniciativa. Mário Balsa representou a autarquia, que é responsável pela organização, Paulo Rebelo interveio pelo CLAC – Clube de Lazer, Aventura e Competição do Entroncamento, que assegura a componente técnica, e Jaime Ramos falou na qualidade de presidente da Fundação Museu Nacional Ferroviário. Os quatro destacaram o simbolismo da realização do Grande Prémio na cidade ferroviária e perspetivaram a sua afirmação a nível nacional.

José Canelo, atleta veterano do CLAC que tem somado medalhas a nível nacional e internacional no seu escalão, acima dos 90 anos, também esteve presente e agradeceu “o carinho e o louvor” que lhe tem sido dedicado. Após a apresentação, revelou-nos que encara com naturalidade a atribuição do seu nome à caminhada que se realiza pela terceira vez este ano devido às sucessivas conquistas. Aos “19 anos” diz continuar a ter capacidade física para participar em provas até aos 10 quilómetros e que a participação na caminhada está garantida.

Os interessados podem consultar o site www.gpmnf.com para obter mais informação sobre esta iniciativa à qual se associou recentemente a CP. Os atletas que viajem até ao Entroncamento motivados pelo Grande Prémio do Museu Nacional Ferroviário usufruem de um desconto de 30% no preço do bilhete de comboio.

Nasceu em Vila Nova da Barquinha, fez os primeiros trabalhos jornalísticos antes de poder votar e nunca perdeu o gosto de escrever sobre a atualidade. Regressou ao Médio Tejo após uma década de vida em Lisboa. Gosta de ler, de conversas estimulantes (daquelas que duram noite dentro), de saborear paisagens e silêncios e do sorriso da filha quando acorda. Não gosta de palavras ocas, saltos altos e atestados de burrice.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome