Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Terça-feira, Agosto 3, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Entroncamento promove ‘Verão Ativo’ em agosto com caminhadas e ginásios ao ar livre

O Município do Entroncamento, através da Unidade de Desporto e Juventude, promove atividades desportivas ao ar livre de participação livre durante todo o mês de agosto.

- Publicidade -

O repto para participação nestas atividades é lançado a toda a população, sendo que as atividades são gratuitas, não carecem de inscrição, bastando aparecer no local à hora marcada. 

Agenda Verão Super Ativo:

- Publicidade -

Caminhadas ao Luar | Segundas- Feiras | 2, 9, 16, 23 e 30 Agosto | 20h30-  21h30 | Concentração Parque Radical e de Lazer Arq. Jorge Ferreira (Percurso sempre diferente) | Caminhada e alongamentos no final

Caminhadas Entroncamento Night Runners | Quartas-feiras | Atividade Permanente | 20h30 | Concentração no Pavilhão Desportivo Municipal 

Caminhadas ao Amanhecer | Sextas-Feiras | 6, 13, 20 e 27 agosto | 9h00-10h00 | Concentração Parque Radical e de Lazer Arq. Jorge Ferreira (Percurso sempre diferente) | Caminhada e alongamentos no final

Ginásios ao Ar Livre | Terças-Feiras e Quintas-Feiras | 9h15-10h00

3 agosto – Ginásio Ar Livre do Parque Radical e de Lazer Arq. Jorge Ferreira

5 agosto – Ginásio Ar Livre Centro de Saúde

10 agosto – Ginásio Ar Livre do Jardim D. José Salamanca

12 agosto – Ginásio Ar Livre Poli Desportivo da Coferpor

17 agosto – Ginásio Ar Livre do Largo da Fraternidade (Casal Saldanha)

19 agosto – Ginásio Ar Livre do Formigão (Rua Antero de Quental)

24 agosto – Ginásio Ar Livre do Parque Radical e de Lazer Arq. Jorge Ferreira

26 agosto – Ginásio Ar Livre Centro de Saúde

31 agosto – Ginásio Ar Livre do Jardim D. José Salamanca

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome