Quinta-feira, Março 4, 2021
- Publicidade -

Entroncamento | Parque Empresarial recebe investimento de 5,4 milhões de euros

Uma empresa ligada à área logística e ao comércio internacional vai realizar um investimento de 5 milhões e 459 mil euros numa nova unidade fabril no Parque Empresarial do Entroncamento, anunciou o presidente da Câmara na reunião do dia 2 de setembro.

- Publicidade -

Para tal, os eleitos aprovaram por unanimidade a subconcessão dos primeiros quatro lotes do novo Parque Empresarial, totalizando 46 mil m2, cerca de 30 por cento da área total.

A nova empresa “dá garantias de sustentabilidade”, referiu Jorge Faria (PS), tendo anunciado a criação de 12 postos de trabalho diretos e 60 indiretos.

- Publicidade -

Através deste investimento fica também assegurada a construção de linha férrea que ligará o Parque Empresarial do Entroncamento à Linha do Norte, o que fará deste parque uma infraestrutura única no contexto regional, realça a autarquia, em nota de imprensa.

O presidente da Câmara Municipal do Entroncamento, Jorge Faria, destaca a importância do “trabalho continuado que tem desenvolvido junto de potenciais investidores por forma a afirmar e efetivar a atratividade empresarial do nosso concelho, a concretizar uma visão para um município mais moderno, mais inteligente e mais desenvolvido, com foco na criação de valor e emprego”.

Na mesma reunião foi também aprovada a decisão final sobre a construção de pavilhão industrial na Zona Industrial do Entroncamento pela empresa Cellwater, que se dedica à produção e comercialização de produtos químicos para a indústria. A construção com 1745 m2 será instalada num lote com 6 mil m2 e representa um investimento de 600 mil euros no concelho.

Recorde-se que este lote se encontrava sem qualquer alocação a qualquer atividade há mais de 20 anos e que a sua disponibilidade para instalação deste agente económico se deve ao desenvolvimento do processo de reversão de lotes pelo Município previsto no Regulamento da Zona Industrial no caso de incumprimento dos prazos para a implantação de negócios.

Este processo “permitiu encontrar uma solução para suprimir as aquisições e posse de muitos destes lotes por parte de privados apenas como forma de veicular estratégias de especulação imobiliária, sem qualquer intuito de lhes dar utilização empresarial”, explica a Câmara na mesma nota.

Segundo Jorge Faria, estes investimentos no concelho “são fruto de uma estratégia que coloca as potencialidades do território e os cidadãos no centro de um novo ciclo de desenvolvimento do Entroncamento”.

O Parque Empresarial do Entroncamento é um investimento do município que visa criar mais espaços para a fixação empresarial no concelho, uma vez que a atual zona industrial se encontra ocupada quase na sua totalidade. Com cerca de 20 hectares estará dotado de um conjunto de infraestruturas adequadas à atração e instalação de novos agentes económicos.

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).