- Publicidade -

Entroncamento | Município desafia os mais pequenos a construir “Comboios do Mundo”

No âmbito do projeto “Biblioteca em Casa”, iniciativa promovida pelo Município do Entroncamento através da Biblioteca Municipal, a autarquia lança uma nova atividade dirigida aos mais pequenos para os manter ativos de forma lúdica neste confinamento. “Comboios do Mundo” é o nome do passatempo que desafia a construir modelos de comboios de papercraft.

- Publicidade -

“Comboios do Mundo” é mais uma das iniciativas desenvolvidas pela autarquia entroncamentense, através da Biblioteca Municipal, inserida no projeto “Biblioteca em Casa”, que pretende entreter de forma lúdica e cuidar da saúde mental e física dos mais pequenos em tempo de confinamento.

Refere o Município em comunicado que o passatempo “Comboios do Mundo” pretende “estimular a criatividade dos mais pequenos e interação familiar, transmitindo conhecimentos relacionados com a temática ferroviária, tão presente na cidade”.

- Publicidade -

O objetivo passa por lançar uma coleção de comboios do mundo de papercraft (um método de construção de objetos em formato 3D a partir do papel, semelhante ao origami), que depois podem ser impressos em papel ou cartolina e montados, chegando ao resultado final.

A atividade, que conta com o apoio do Museu Nacional Ferroviário, arrancou esta semana e o primeiro comboio a ser apresentado foi uma maquete do Comboio Hitachi 3000, lançado em 2005 no Japão. Regularmente, os “Comboios do Mundo” serão divulgados no site do Projeto Biblioteca em Casa e na página de Facebook do Município.

Recorde-se que para além da atividade “Comboios do Mundo”, o projeto “Biblioteca em Casa” tem também a decorrer às quartas e sextas-feiras, pelas 15h00 (e recentemente com nova sessão, às 16h30), a iniciativa “A Hora do Conto online”, na qual são contadas histórias às famílias. Para participar, as famílias devem realizar a sua inscrição através do e-mail biblioteca@cm-entroncamento.pt.

A vereadora do Município do Entroncamento com o pelouro da Biblioteca, Tília Nunes, explica que nestas sessões virtuais há ainda a possibilidade de as crianças contarem uma história aos restantes participantes.

O Município está também a disponibilizar os serviços da biblioteca, nomeadamente com a possibilidade de requisitar livros e documentos nas instalações da biblioteca, às quartas e sextas-feiras entre as 8h30 e as 13h00, mediante contacto prévio. No caso das pessoas mais idosas ou com dificuldade de se deslocarem à Biblioteca Municipal, existe a possibilidade de entrega dos livros ao domicílio.

Tília Nunes elucida que os livros, quando regressam à biblioteca após o período de requisição, passam por uma fase de quarentena “para poderem depois novamente entrar em circuito de empréstimo”.

NOTÍCIA RELACIONADA: ENTRONCAMENTO | “BIBLIOTECA EM CASA” DISPONIBILIZA LIVROS À POPULAÇÃO EM TEMPOS DE CONFINAMENTO

Abrantina mas orgulhosa da sua costela maçaense, rumou à capital com o objetivo de se formar em Jornalismo. Foi aí que descobriu a rádio e a magia de contar histórias ao ouvido. Acredita que com mais compreensão, abraços e chocolate o mundo seria um lugar mais feliz.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).