- Publicidade -

Entroncamento | Município adere à Associação Internacional de Cidades Educadoras

Entroncamento vai juntar-se às 86 cidades de Portugal que já integram a Associação Internacional de Cidades Educadoras, organização com sede em Barcelona que visa uma aposta na educação ao longo da vida com vista à melhoria de vida de seus cidadãos.

- Publicidade -

A decisão foi tomada por unanimidade na reunião de Câmara do dia 5 de abril, realizada por videoconferência. Coube à vereadora do pelouro da Educação, Tília Nunes (PS), explicar o projeto e os princípios subjacentes à Carta das Cidades Educadoras, rede internacional da qual fazem parte 86 cidades em Portugal, 225 em Espanha, num total de 518 cidades em 36 países.

Para a eleita, o município tem vindo a trabalhar na área da educação para conseguir atingir alguns níveis que nesta altura já permitem aderir à organização

- Publicidade -

Fundada em 1994, a Associação Internacional das Cidades Educadoras é uma entidade sem fins lucrativos constituída por uma estrutura permanente de colaboração entre os governos comprometidos com a Carta das Cidades Educadoras.

Segundo a AICE, os municípios membros “entendem o Direito à Cidade Educadora como uma extensão do direito fundamental de todas as pessoas à Educação e como um veículo para tornar realidade outros direitos fundamentais. O Direito à Educação é visto como promotor do desenvolvimento humano, social e económico das pessoas e das comunidades e como elemento indispensável para atingir um desenvolvimento sustentável, uma cidadania ativa e uma paz duradoura”.

São objetivos da AICE promover o cumprimento dos princípios da Carta das Cidades Educadoras, impulsionar colaborações e ações concretas entre as cidades e participar e cooperar ativamente em projetos e intercâmbios de experiências com grupos e instituições com interesses comuns. Além disso, pretende-se aprofundar o discurso das Cidades Educadoras e promover a sua concretização e influenciar no processo de tomada de decisões dos governos e das instituições internacionais em questões de interesse para as Cidades Educadoras.

A Vereadora Tília Nunes (PS) é a responsável pelo pelouro da educação na Câmara do Entroncamento. Foto: DR

Na reunião de Câmara, os vereadores José Miguel Baptista (PSD) e Henrique Leal (BE) manifestaram-se a favor da adesão, realçando a importância da educação ao longo da vida. O custo de adesão do município é de 220 euros por ano.

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- Publicidade -