Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Terça-feira, Agosto 3, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Entroncamento | Festa de casamento faz aumentar número de infeções por covid-19 no concelho (c/áudio)

Com uma incidência de casos de covid-19 a ser das mais baixas da região nas últimas semanas, o Entroncamento viu o cenário inverter-se com o registo de onze novos casos num só dia. A origem dos casos é apontada como uma festa de casamento onde estiveram também convidados de outros municípios, como Torres Novas.

- Publicidade -

“Há uma situação que é muito preocupante”, afirmou o presidente da Câmara Municipal do Entroncamento, Jorge Faria, no já habitual ponto de situação relativo à pandemia de covid-19 feito no início das reuniões camarárias.

“No dia 17 [de julho], tivemos um número anormal de casos positivos e infelizmente penso que iremos ter mais alguns”, afirmou, referindo que tal se deve a uma festa de casamento que ocorreu no concelho e onde estavam também convidados de outros concelhos, nomeadamente de Torres Novas.

- Publicidade -

Jorge Faria admite que até ao momento, e de acordo com as indicações do delegado de saúde, “não há necessidade de tomarmos medidas especiais”, mas alerta que muitos dos novos casos foram registados em jovens. “É uma preocupação e temos de passar a mensagem que temos de ter cuidado, porque estas coisas estão aí à espreita”, sublinhou.

ÁUDIO | Presidente da CM Entroncamento, Jorge Faria

Defendendo um aguardar da evolução da situação com serenidade, o edil aponta que, tirando estes novos casos, o concelho tem estado “sempre numa situação de risco baixo ou moderado, com o reaparecimento gradual das atividades e da vida das pessoas”.

“Também a vacinação tem aumentado bastante”, disse.

O presidente da autarquia entroncamentense avançou na última quinzena avaliada pela Direção-Geral da Saúde – de 1 a 14 de julho – o Entroncamento estava numa situação “relativamente confortável”. Agora, com estes casos, “esperemos que não haja muitas más notícias nos próximos dias. Espero que a evolução não seja no sentido de ficarmos em situação de maior gravidade”, afirmou.

Refira-se que segundo os cálculos que o mediotejo.net realiza diariamente, com base nos dados oficiais das autoridades de saúde locais, os concelhos de Alcanena, Entroncamento e Tomar ultrapassaram no domingo, 18 de julho, o patamar-limite de 120 casos por cada 100 mil habitantes que o Governo definiu para os locais de alta densidade populacional, grupo em estes três concelhos foram incluídos.

Contudo, para as decisões das autoridades de saúde são tidos em conta os valores dos 14 dias anteriores à revisão das listas de risco, estando a próxima revisão prevista para dia 29 de julho.

Abrantina mas orgulhosa da sua costela maçaense, rumou a Lisboa com o objetivo de se formar em Jornalismo. Foi aí que descobriu a rádio e a magia de contar histórias ao ouvido. Acredita que com mais compreensão, abraços e chocolate o mundo seria um lugar mais feliz.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome