Entroncamento | Capicua, José Cid, Quinta do Bill, Salto e HMB nas Festas da Cidade

Capicua, José Cid, Quinta do Bill, Salto e HMB são algumas das propostas musicais do programa das Festas de S. João e da Cidade 2017. Os artistas passam pelo concelho entre os dias 16 e 24 de junho, que marcam também o regresso dos palcos no Largo José Duarte Coelho e na Praça Salgueiro Maia, assim como das tasquinhas, artesanato, carroceis, espaço infantil e animação de rua.

O programa das Festas de S. João e da Cidade inclui propostas musicais que vão do recente hip hop de Capicua aos temas intemporais de José Cid, que já tinha atuado no Festival da Eurovisão quando a rapper portuense nasceu.

Estilos musicais e carreiras muito diferentes aos quais se juntam os dos artistas nacionais e locais que este ano sobem aos palcos no Largo José Duarte Coelho (Palco 1) e na Praça Salgueiro Maia (Palco 2) para nove dias de festa em que não faltarão os tradicionais petiscos, desporto, artesanato e cerimónias religiosas.

PUB

Apresentação das Festas de S. João e da Cidade 2017. Foto: mediotejo.net

Os vereadores Carlos Amaro, Tília Nunes e Ilda Joaquim e a responsável pelos serviços culturais, Conceição Serra, apresentaram as atividades e os nomes do programa em que José Cid é o primeiro cabeça-de-cartaz a atuar no Largo José Duarte Coelho com a sua Big Band no dia 16. Nesta data, o artista nascido na Chamusca traz décadas de música marcadas por temas como “Cabana junto à praia”, “Como o macaco gosta de banana” ou “Cai neve em Nova York”.

À semelhança dos restantes concertos noturnos da edição deste ano no palco 1, o espetáculo tem início às 22h00, no dia em que o programa começa ao final da tarde com animação de rua pelos “Cantar Nosso”, às 19h00, seguida da atuação da academia “Es-Passo de Dança” no palco da Praça Salgueiro Maia, às 21h30.

A animação de sábado tem início às 18h00 no “Zumba Kids Colors”, continuando uma hora depois pelas ruas do centro da cidade com a banda “Às Riscas” e o concerto da Tuna e Cavaquinhos da Universidade Sénior do Entroncamento. Pelas 21h30 é Clemente quem sobe ao palco 2 com os êxitos acumulados desde o primeiro álbum a solo, em 1973. O estilo musical no palco 1 é diferente, sendo o soul e o R&B dos HMB a marcar o ritmo nesta noite com influências que vão de Bill Withers a Erykah Badu.

O deporto também tem presença confirmada com a realização do XXIII Grande Prémio de Atletismo Museu Nacional Ferroviário e da IV Caminhada José Canelo, a partir das 10h00 de domingo, no Pavilhão Desportivo Municipal.

Neste dia a animação cultural regressa com “Life Sound Choir” pelas 19h00, e as atuações do grupo de Sevilhanas e da Academia de Dança no palco 2, às 20h30 e 21h30, respetivamente. A esta hora já o palco 1 se preparara para receber a banda “The Fly” com o seu tributo a U2. O fim-de-semana termina, mas não as festas e estão previstos espetáculos nos dois palcos em todas as noites da semana.

Entre segunda-feira e quinta-feira, são diversos os artistas que passam pelo Largo José Duarte Coelho às 22h00. A 19, o palco recebe o pop dos “Salto”, que deram o salto para a fama com o álbum “Deixar Cair”, e a 20 há baile com os “Klassikus”, depois do Rancho do CERE atuar ali perto às 20h30. A meio da semana, dia 21, canta-se “Em Bom Português” com um conjunto de músicos locais e no dia 22 é o ritmo pop e tropical de Virgul que faz dançar.

Nestes dias, o palco da Praça Salgueiro Maia recebe os “Crossfire Blues Band” na segunda-feira, o momento “Dançarte” (21h30) na terça-feira, a Banda da Associação Filarmónica e Cultural do Entroncamento (20h30) e os Fun2Rock (21h30) na quarta-feira e o Orfeão do Entroncamento (20h30) e a Banda B.Leza (21h30) na quinta-feira.

O segundo fim-de-semana aproxima-se e os dois últimos dias têm como cabeças-de-cartaz Capicua e Quinta do Bill. O hip hop e o rap de Ana Matos Fernandes, que fez muitos cantar “Vayorken”, surgem na noite de sexta-feira no palco 1. No sábado chega ao largo da Câmara Municipal a banda que partiu de Tomar para o mundo através de temas como “Filhos da Nação”, “Se te amo” ou “Faz bem falar de amor”.

O palco 2 recebe, no dia 23, o espetáculo de dança “De corpo e alma” da Universidade Sénior e lares de idosos locais (20h00) e o fado de Coimbra pelo Grupo de Fados Almedina (21h30) e, no dia 24, “Ritmo e Movimento” (20h30) e “Entronca’Gs” (21h30). O programa do último dia também propõe ainda os momentos “Toca e Rodão” (18h00) e “Acordeão Génio e Arte” (19h00).

As noites de sexta-feira e sábado são as mais longas e entram pelos dias seguintes com o ritmo dos Djs no palco 1. Hugo Luz passa pelo Largo José Duarte Coelho no dia 16, Carlos Adelino e Alex V no dia 17, Jorge Branco no dia 23 e 24 Rita Mendes no dia 24.

Segundo o vereador Carlos Amaro, o orçamento deste ano será superior ao de 2016, que se situou nos 60.000,00€. Sessenta mil é, igualmente, o número de pessoas que o município espera receber durante o evento entre os dias 16 e 24 de junho.

PUB
Sónia Leitão
Nasceu em Vila Nova da Barquinha, fez os primeiros trabalhos jornalísticos antes de poder votar e nunca perdeu o gosto de escrever sobre a atualidade. Regressou ao Médio Tejo após uma década de vida em Lisboa. Gosta de ler, de conversas estimulantes (daquelas que duram noite dentro), de saborear paisagens e silêncios e do sorriso da filha quando acorda. Não gosta de palavras ocas, saltos altos e atestados de burrice.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).