Entroncamento | Aprovadas normas de participação nas Festas de S. João e da Cidade 2017

As normas de participação associadas aos espaços das tasquinhas, artesanato e comércio das Festas de S. João e da Cidade do Entroncamento, que este ano decorrem entre 16 e 24 de junho, foram aprovadas esta segunda-feira, dia 6, durante a reunião do executivo municipal.

As primeiras foram votadas à parte devido à apresentação de uma proposta alternativa pelo Bloco de Esquerda que implicava a utilização gratuita do stand pelas associações sob pagamento de uma caução de 250,00€ e a possível cedência de um stand adicional por igual valor.

A proposta do executivo foi aprovada pela maioria, sem o voto favorável do vereador Carlos Matias (BE), implicando o pagamento de 250,00€, IVA incluído, por parte das associações ou clubes interessados no ato da inscrição. No caso das entidades apoiadas pelo município, podem solicitar que o valor seja abatido no valor do subsídio recebido. Durante as festas, as tasquinhas funcionarão entre as 18h00 e a meia-noite e meia, de domingo a quinta-feira, ou até às 02h30, às sextas-feiras e sábados.

PUB

A 18ª Feira de Artesanato realiza-se na Rua Luís Falcão de Sommer e os artesãos locais terão as suas bancas preparadas para receber os visitantes entre as 18h00 e as 23h00 de segunda a quinta-feira ou a meia-noite de sextas-feiras e sábados. No domingo, 18, o horário de funcionamento é entre as 15h00 e as 23h00.

No caso dos expositores, comerciantes e artesãos de fora do concelho que efetuarem o pagamento de 210,00€ por stand, com IVA incluído, o horário tem a mesma hora de início, mas estende-se até às duas da manhã nas sextas-feiras e sábados e até à meia-noite e meia entre domingo e quinta-feira.

A concessão do único espaço para vendas de pipocas e algodão doce localizado a meio da Rua Luís Falcão de Sommer será feita mediante apresentação da proposta mais elevada, partindo do valor mínimo de 500,00€. O horário de abertura é às 18h00 (2ª a 6ª), 10h00 (sábado) e 15h30 (domingo) e o espaço encerra à meia-noite e meia de domingo a quinta-feira e às 02h30 às sextas-feiras e ao sábado.

As farturas, algodão doce e pipocas serão vendidas noutros dois espaços, um no Largo José Duarte Coelho e outro na Praça Salgueiro Maia. Nestas duas concessões o critério preferencial para seleção das propostas é o valor mais elevado, tendo como base 1.500,00€. O horário de funcionamento é igual ao espaço localizado na Rua Luís Falcão de Sommer.

PUB
Sónia Leitão
Nasceu em Vila Nova da Barquinha, fez os primeiros trabalhos jornalísticos antes de poder votar e nunca perdeu o gosto de escrever sobre a atualidade. Regressou ao Médio Tejo após uma década de vida em Lisboa. Gosta de ler, de conversas estimulantes (daquelas que duram noite dentro), de saborear paisagens e silêncios e do sorriso da filha quando acorda. Não gosta de palavras ocas, saltos altos e atestados de burrice.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).