Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Quarta-feira, Julho 28, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Entroncamento | A Festa da Flor chegou à cidade (c/ fotogaleria)

A Festa da Flor chegou à cidade esta sexta-feira, dia 19, e só parte no próximo dia 28 de maio, depois de dez dias em que o concelho ganha novas cores, sabores e animação. A abertura oficial teve lugar no Largo José Duarte Coelho, que recebeu as primeiras propostas culturais do programa, dando lugar à inauguração da exposição coletiva “Flores na Cidade” e um passeio até à Praça Salgueiro Maia brindado pelas atuações dos habitantes mais novos e mais velhos.

- Publicidade -

A quarta edição da Festa da Flor começou na tarde desta sexta-feira com a abertura oficial realizada do Largo José Duarte Coelho na presença de munícipes, representantes do município, Maria do Céu Albuquerque, presidente da Câmara Municipal de Abrantes e da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo, e de Tó Romano, responsável pela Eva Dreams, que este ano se associou à iniciativa.

Os discursos deram lugar aos primeiros momentos do programa cultural que destaca entidades locais (associações, escolas, etc.) e promete animação até ao próximo dia 28 de maio. À música dos utentes do Centro de Convívio do Entroncamento e à dança dos elementos do Rancho Folclórico do CERE juntou-se, pouco depois, a arte de 30 artistas plásticos convidados pela autarquia e a associação Entroncartes a partilhar as suas obras na Galeria Municipal com a exposição “Flores na Cidade”.

- Publicidade -

O acordeão marcou o ritmo do passeio que se seguiu pela Rua Luís Falcão de Sommer com paragem para ver as atuações dos utentes dos lares ligados à Santa Casa da Misericórdia do Entroncamento e da Associação de Lares Ferroviários do Entroncamento. Na chegada à Praça Salgueiro Maia, os artistas passaram de seniores a juniores com a subida ao palco dos alunos de alguns Jardins de Infância e Escolas Básicas.

Momento da abertura oficial da Festa da Flor. Foto: medioteojo.net

O programa do primeiro dia inclui o início da II Semana Gastronómica nos restaurantes locais aderentes, dedicada aos sabores do Ribatejo, e fecha com a peça teatral “A Gaveta”. Os Grupos de Teatro e Expressões dos Centros de Ensino Especial do distrito de Santarém entram em cena no Centro Cultural do Entroncamento e contam com a participação especial do músico Ricardo Costa.

No sábado, dia 20, há mostra de artesanato na Rua Luís Falcão de Sommer, arruada da Banda da Associação Filarmónica e Cultural do Entroncamento pelo centro da cidade e Quermesse de Flores da Paróquia de Nossa Senhora de Fátima, insufláveis e concerto noturno com o grupo “Fora d’Horas” na Praça Salgueiro Maia. Nesta data assinala-se o Dia Municipal do Idoso no Pavilhão Desportivo Municipal com uma Sessão Solene e um almoço convívio.

O artesanato, os insufláveis e a quermesse continuam no domingo em que a Praça Salgueiro Maia recebe o “Zumba Colours Solidário” e o Rancho Folclórico “Os Camponeses” de Riachos. O Largo José Duarte Coelho foi escolhido para o II Encontro de Jogos Tradicionais e o exterior da Galeria Municipal para a sessão de pintura ao ar livre dos alunos da associação Entroncartes.

A Galeria Municipal recebe trabalhos de 30 artistas plásticos sobre o tema da festa até dia 28. Foto: mediotejo.net

Ao longo da semana é possível visitar as exposições “Flores na Cidade” na Galeria Municipal, “Peixes do Rio – Escultura Criativa” no Centro Cultural e “A Maior Flor do Mundo” no átrio da Câmara Municipal. Quem preferir os sabores pode optar pela Semana Gastronómica nos restaurantes aderentes e pelos espaços de venda ambulante na Praça Salgueiro Maia.

Os alunos e utentes dos lares do concelho têm atividades pensadas só para eles em diversos locais durante a segunda-feira e as atividades para o público em geral regressam na quarta-feira com a realização do 12º Encontro Distrital de Gingas para pessoas com deficiência no CERE, que percorre as ruas da cidade. O Centro Cultural recebe o Desfile da Flor neste dia.

Na quinta-feira, o Roteiro Cidadania em Portugal (Cidadania em Ação) passa a integrar o Largo José Duarte Coelho e os seniores têm à sua espera uma sessão de dança no Centro Cultural. O último dia útil da semana inclui atividades no último local e na Praça Salgueiro Maia, onde estão previstos um Chá Dançante com o organista Rui Feliciano e a atuação da Escola de Cavaquinhos e da Tuna da Universidade Sénior, respetivamente.

Os utentes do Centro de Convívio do Entroncamento deram início ao programa cultural. Foto: mediotejo.net

A chegada do segundo fim-de-semana da Festa da Flor traz de volta os insufláveis e a mostra de artesanato, que no domingo se muda para junto do Centro Cultural. O programa de sábado inclui a atuação da classe de hip hop do Dynamic Gym – Júnior na Praça Salgueiro Maia e modelagem de balões em forma de flor junto ao Centro Cultural.

No interior do espaço realizam-se workshops de “Decoração de Cupcakes” e de “Confeção de Vestidos”, uma mostra de livros sobre gastronomia, e atua a classe de Expressão Corporal e Artística da Universidade Sénior. Também neste dia, a Bandinha Mirense anima quem encontrar entre o Largo José Duarte Coelho e a Praça Salgueiro Maia e à noite canta-se o fado na escadaria da Câmara Municipal durante o espetáculo “Fado Cruzado – Fado de Coimbra e Fado de Lisboa”.

O programa termina no dia 28, domingo, com a Feira de Antiguidades na Rua Luís Falcão de Sommer, o workshop “Somos o que comemos” e o desfile infantil com a moda dos estabelecimentos comerciais locais no Centro Cultural. Junto da Galeria Municipal realiza-se mais uma sessão de pintura ao ar livre com os alunos da Entroncartes.

Nasceu em Vila Nova da Barquinha, fez os primeiros trabalhos jornalísticos antes de poder votar e nunca perdeu o gosto de escrever sobre a atualidade. Regressou ao Médio Tejo após uma década de vida em Lisboa. Gosta de ler, de conversas estimulantes (daquelas que duram noite dentro), de saborear paisagens e silêncios e do sorriso da filha quando acorda. Não gosta de palavras ocas, saltos altos e atestados de burrice.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here