Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Terça-feira, Agosto 3, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Entroncamento: A arte dos alunos da Secundária saiu da escola

A Galeria Municipal do Entroncamento tem patente uma exposição com trabalhos artísticos dos alunos do 12º ano do curso de Artes Visuais desde a passada terça-feira, dia 5. A forma como cada um se vê é partilhada através de uma mostra coletiva intitulada “O Autorretrato” que conjuga a técnica e as emoções.

- Publicidade -

Os alunos do curso de Artes Visuais da Escola Secundária com 3º ciclo responderam ao desafio lançado pelo município ao Agrupamento de Escolas do Entroncamento com uma exposição que estará patente na Galeria Municipal até à próxima quinta-feira, dia 14, intitulada “O Autorretrato”.

O grupo de artistas
O grupo de artistas

- Publicidade -

Os trabalhos revelam a visão que cada um tem de si mesmo, partindo da introspeção e de uma análise de grupo aliadas à técnica. As facetas realista e imaginária são apresentadas lado a lado de forma bidimensional através do desenho, assim como pelas esculturas em gesso criadas no âmbito do trabalho “O Pilar Escultórico – Autorretrato tridimensional”.

O docente Álvaro Santos coordenou a atividade
O docente Álvaro Santos coordenou a atividade

A componente pedagógica envolveu as disciplinas de Desenho A e Oficina das Artes, ambas lecionadas pelo professor Álvaro Santos. Durante a inauguração no passado dia 5 o docente, igualmente responsável pela coordenação da atividade, salientou que a exposição representa um ponto de partida para partilhar o trabalho desenvolvido pela escola com o concelho e permitirá desenvolver “uma parceria mais profunda nos próximos anos” que mostre o valor dos jovens.

DSCF3844 (2)
A exposição inclui um conjunto de autorretratos criados pelos alunos

A vice-presidente da autarquia, Ilda Joaquim, a vereadora com o pelouro da Educação, Tília Nunes, e a Diretora do Agrupamento de Escolas do Entroncamento, Filomena Pereira, estiveram na inauguração e ouviram as apresentações de alguns artistas sobre os seus trabalhos. Os alunos acabaram por revelar um pouco mais sobre si mesmos, como a paixão de Daniel Filipe Damásio pelo futebol e pela namorada, o lado sonhador e o ritmo acelerado de Ana Raquel Evaristo ou a forte ligação de Carolina Isidoro Pinho à música.

Carolina Isidoro Pinho apresentou a sua escultura em gesso
Carolina Isidoro Pinho apresentou os seus desenhos e a escultura em gesso

Mara Filipa Silva também falou sobre as dificuldades inerentes ao processo de criação, revelando que queimou as mãos enquanto fazia o seu autorretrato tridimensional. A aluna do 12º ano partilhou com o mediotejo.net que ainda não decidiu qual o curso superior a que se candidatará daqui a uns meses, mas destaca a área do design por permitir, tal como o desenho, “expressar a nossa arte, a forma como vemos o mundo e pensamos”.

DSCF3960 (2)
Pormenor do autorretrato tridimensional de Mara Filipa Silva (técnica: escultura em gesso)

Os visitantes podem visitar a exposição com a arte destes alunos de terça-feira a domingo, entre as 15h00 e as 19h00. Arte e não só uma vez que a mostra coletiva não deixa de ser um espelho da juventude do concelho e as mesmas mãos que criaram as obras agora expostas irão receber o futuro da cidade ferroviária.

DSCF3936 (2)
Pormenor do autorretrato bidimensional de Ana Cláudia Pereira (técnica: pastel seco, caneta de gel e aguarela)

Nasceu em Vila Nova da Barquinha, fez os primeiros trabalhos jornalísticos antes de poder votar e nunca perdeu o gosto de escrever sobre a atualidade. Regressou ao Médio Tejo após uma década de vida em Lisboa. Gosta de ler, de conversas estimulantes (daquelas que duram noite dentro), de saborear paisagens e silêncios e do sorriso da filha quando acorda. Não gosta de palavras ocas, saltos altos e atestados de burrice.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome

- Publicidade -