Dia da Árvore: GNR juntou uma centena nos Moinhos da Pena (c/vídeo)

A celebração do Dia Mundial da Árvore patrocinada pelo Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) da GNR juntou mais de uma centena de pessoas, entre caminhantes e militares, junto aos Moinhos da Pena, localidade entre as freguesias de Chancelaria e Assentiz, Torres Novas. Domingo, dia 20 de março, houve ainda tempo para um percurso pedestre, passeios a cavalo, demonstrações cinotécnicas de meios e a plantação de algumas árvores. O objetivo era alertar para a proteção da floresta e o perigo dos incêndios.

PUB
autarcas plantaram medronheiros. foto mediotejo.net
autarcas plantaram medronheiros. foto mediotejo.net

A ocasião foi também aproveitada pelo presidente da junta de Chancelaria, Alfredo Antunes, para pedir à Câmara de Torres Novas alguma atenção para com os Moinhos da Pena, que estão a desaparecer para dar lugar a moradias. A autarquia quer criar no local um percurso pedestre definido e valorizar todo o espaço. “Este canto tem aqui muita coisa escondida”, alertou.

Já o presidente da Câmara, Pedro Ferreira, informou que o moinho adquirido pelo município vai ser utilizado para fins pedagógicos. O autarca elogiou a escolha dos Moinhos da Pena para a iniciativa da GNR, “um sítio emblemático, nem de todos conhecidos”, que contribuiu para o desenvolvimento do concelho.

PUB
percurso pedestre passou pelo Buraco da Moura e pela Capelinha do Senhor da Serra. foto mediotejo.net
percurso pedestre passou pelo Buraco da Moura e pela Capelinha do Senhor da Serra. foto mediotejo.net

O percurso pedestre, com cerca de três quilómetros, passou pelo “Buraco da Moura” e pela “Capelinha do Senhor da Serra”, com explicações sobre a história dos locais.

foto mediotejo.net
foto mediotejo.net

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here