- Publicidade -

Quinta-feira, Janeiro 20, 2022
- Publicidade -

Crónica fotográfica, por Paulo Jorge de Sousa

João Lobato era um homem feliz.
Acabava de se reconhecer numa fotografia feita a 24 de setembro de 1972, quando transportava um andor na Festa do Coração de Jesus, em Montalegre (à nossa direita, em cima, na foto a preto e branco).
Tinha 32 anos.
Hoje, com 77, guarda esta recordação da sua terra e acrescenta, com um sorriso, que é atualmente, o homem mais velho residente em Montalegre, freguesia de Santiago de Montalegre, Concelho de Sardoal.
João Lobato e mais umas dúzias de conterrâneos estão retratados na exposição comemorativa dos 100 anos da Paróquia de Santiago de Montalegre, que inaugurou hoje no edifício da Junta de Freguesia.

Nasceu no Sardoal em 1964, e é licenciado em Fotografia. Fez o Curso de Fotojornalismo com Luíz Carvalho do jornal “Expresso” (Observatório de Imprensa). É formador de fotografia com Certificado de Aptidão Profissional (registado no IEFP). Faz fotografia de cena desde 1987, através do GETAS - Centro Cultural, do qual também foi dirigente e fotografou praticamente todos os espetáculos. Trabalha na Câmara Municipal de Sardoal desde 1986 e é, atualmente, Técnico Superior, editor fotográfico e fotógrafo do boletim de informação e cultura da autarquia “O Sardoal” e de toda a parte fotográfica do Município. É o fotógrafo oficial do Centro Cultural Gil Vicente, em Sardoal. Em 2009, foi distinguido pela rádio Antena Livre de Abrantes com o galardão “Cultura”, pelo seu percurso fotográfico. Conta com mais de meia centena de distinções nacionais e internacionais. Já participou em dezenas de exposições individuais e coletivas.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome