Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Segunda-feira, Setembro 20, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Crónica fotográfica, por Paulo Jorge de Sousa

Já se começam a notar alguns sinais de tentativas de regresso à normalidade relativamente à pandemia. Por exemplo, ontem, no Sardoal, a Filarmónica União Sardoalense saiu à rua em forma de arruada, para nos lembrar que estava de parabéns e que já ia em 159 primaveras.

- Publicidade -

Apenas com 37 anos, a Associação Cultural e Desportiva de Valhascos também mostrou o ar da sua graça e hasteou a bandeira na presença dos seus sócios, cantando-lhes os parabéns a você.

Pouco a pouco e sem estragar o trabalho feito no combate à pandemia, todos nós estamos desejosos de poder voltar a ver as bandeirinhas coloridas penduradas nas árvores, sinal de que voltámos a estar em festa. 

- Publicidade -

Fotografia: Valhascos (Sardoal), 7 de agosto de 2021

Nasceu no Sardoal em 1964, e é licenciado em Fotografia. Fez o Curso de Fotojornalismo com Luíz Carvalho do jornal “Expresso” (Observatório de Imprensa). É formador de fotografia com Certificado de Aptidão Profissional (registado no IEFP). Faz fotografia de cena desde 1987, através do GETAS - Centro Cultural, do qual também foi dirigente e fotografou praticamente todos os espetáculos. Trabalha na Câmara Municipal de Sardoal desde 1986 e é, atualmente, Técnico Superior, editor fotográfico e fotógrafo do boletim de informação e cultura da autarquia “O Sardoal” e de toda a parte fotográfica do Município. É o fotógrafo oficial do Centro Cultural Gil Vicente, em Sardoal. Em 2009, foi distinguido pela rádio Antena Livre de Abrantes com o galardão “Cultura”, pelo seu percurso fotográfico. Conta com mais de meia centena de distinções nacionais e internacionais. Já participou em dezenas de exposições individuais e coletivas.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome