- Publicidade -

Covid-19 | Surto em Lar de Alcanena sobe para 94 casos e há 11 bombeiros infetados

O Centro de Bem Estar Social de Alcanena tem afinal 94 positivos ao vírus SARS CoV-2. Para além dos 72 utentes, há 22 funcionários infetados (mais 11 que a testagem inicial). A instituição permanece com dois óbitos ligados a este surto. Entretanto há novos surtos no concelho de Alcanena, nomeadamente nas corporações de bombeiros de Minde e Alcanena.

- Publicidade -

Segundo o boletim diário do concelho de Alcanena, com o ponto de situação da pandemia no território, há dois surtos a decorrer nas corporações de bombeiros. O mais antigo regista seis casos, nos Bombeiros Voluntários de Minde. Há entretanto um novo, este nos Bombeiros Municipais de Alcanena, com cinco casos positivos de SARS CoV-2.

Já o Centro de Bem Estar Social de Alcanena não registou mais nenhum óbito relacionado com a Covid-19, não obstante o número de infetados tenha aumentado para 94 após nova testagem à equipa e utentes. Há ainda um caso de Covid-19 relacionado com o Agrupamento de Escolas de Alcanena, neste caso num funcionário.

- Publicidade -

Cerca do meio dia desta segunda-feira, 25 de janeiro, foram contabilizadas mais 17 infeções nas últimas 24 horas. Desde o início da pandemia que o concelho regista 20 mortos por Covid-19.

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).